Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Jogadores do América-MG suam a camisa em bateria de testes físicos

A sexta-feira foi de testes físicos no América-MG. Os jogadores do Coelho passaram por uma bateria de testes isocinéticos na Escola de Educação Física da UFMG, sob o comando do fisiologista Deric Fúrforo, e acompanhados de perto pelo preparador físico auxiliar do América-MG, Leonardo Fagundes, e pelo fisioterapeuta Jomar Ottoni.

Os atletas foram divididos em dois grupos. O primeiro, formado por dez jogadores, realizou os testes nesta sexta. O restante fará os testes na próxima semana. Gabriel, Leandro Ferreira, Rodrigo Reffner, Everton, Luciano, Gilberto, Bryan, Fábio Júnior, Neneca e Rodriguinho suaram a camisa nesta sexta.

Já o grupo formado por Adeilson, Glauber, Bruno Meneghel, China, Moisés, Kaio, Davi Ceará, Sebastian, Rafael Estevam, Dudu, Glaycon, Matheus, Anderson Santos, Otávio, Lula, Patrick, Anderson, Cleber, Pará e Alessandro terá um semana para se prepararem.

O fisiologista do Ceolho explicou as funções dos testes. ‘Por meio da avaliação isocinética, podemos direcionar e prescrever os trabalhos de força e equilíbrio muscular para os jogadores’, disse o fisiologista, que destaca a importância dos trabalhos, principalmente na prevenção de lesões.

‘Usando a avaliação funcional, os departamentos físico e fisioterápico, com o direcionamento do departamento de fisiologia, podem mapear o perfil corporal dos atletas e controlar a variável flexibilidade, visando otimizar a amplitude de cada jogador. Esse conjunto de avaliações ajuda os departamentos responsáveis no controle e prevenção de lesões’, explica.