Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Ituano vence e derruba Comercial para a lanterna

Por Da Redação - 10 mar 2012, 18h22

Por AE

Ribeirão Preto – O Comercial conheceu, na tarde deste sábado, sua sétima derrota consecutiva e está cada vez mais próximo do rebaixamento no Campeonato Paulista. Em confronto direto na briga contra o descenso, o time de Ribeirão Preto perdeu para o Ituano, por 1 a 0, em pleno Estádio Palma Travassos, na abertura da 13ª rodada.

Esta foi a nona partida sem vitória dos donos da casa, sendo um empate e oito derrotas. A sequência negativa derrubou o clube para a última posição, com apenas sete pontos. Por outro lado, o time de Itu chegou aos 14 pontos e se afasta, pelo menos por enquanto, dos últimos colocados.

Apesar do péssimo estado do gramado, Comercial e Ituano fizeram um primeiro tempo bastante movimentado. Os dois times criaram várias chances de gol, mas pecaram nas finalizações. Na segunda etapa, o time de Itu voltou mais organizado e criou as melhores oportunidades.

Publicidade

O gol da vitória, porém, veio apenas em cobrança de pênalti. Aos 23 minutos, o atacante Adaílton invadiu a área e acabou derrubado pelo meia Luís Augusto. Na cobrança, o zagueiro Anderson Salles bateu forte, no meio do gol, sem chances de defesa para o goleiro Alex Santana.

No próximo domingo, às 16 horas, o Comercial terá um páreo duro pela frente, já que recebe o Corinthians, no Estádio Palma Travassos, em Ribeirão Preto. Já o Ituano volta a campo para enfrentar o São Caetano, no sábado, às 16 horas, no Estádio Novelli Júnior, em Itu.

FICHA TÉCNICA:

COMERCIAL 0 X 1 ITUANO

Publicidade

COMERCIAL – Alex Santana; Rafael Tavares, Marcel e Leandro Camilo; Sidny, Ricardo Conceição, Élton (Luís Augusto), Leandro (Hudson) e Wellington; Enílton (Diogo Acosta) e Elionar Bombinha. Técnico – Geninho.

ITUANO – Roberto; Jancarlos, Thiago Gomes, Anderson Salles e Victor Hugo; Rodrigo Costa, Élton (Alex), Davi Ceará (Adaílton) e Kleyton Domingues; Tiago Bezerra (Alemão) e Chapinha. Técnico -Roberto Fonseca.

GOL – Anderson Salles, aos 25 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral.

Publicidade

CARTÕES AMARELOS – Vítor Hugo, Sidny, Bruno Martins, Tiago Bezerra, Luís Augusto, Elionar Bombinha, Rodrigo Costa e Roberto.

RENDA – R$ 24.480,00.

PÚBLICO – 1.456 pagantes.

LOCAL – Estádio Palma Travassos, em Ribeirão Preto.

Publicidade