Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Inter festeja ‘empate com sabor de vitória’ em clássico

Por AE

Porto Alegre – Mesmo entrando em campo com o time reserva, o Internacional conseguiu um empate por 2 a 2 no clássico com o Grêmio, em pleno Olímpico, no último domingo, pela quinta rodada do primeiro turno do Campeonato Gaúcho. Com os titulares voltados para a Libertadores – a equipe estreia nesta quinta-feira, diante do Juan Aurich, em casa -, alguns jovens jogadores entraram em campo e deram conta do recado.

“Foi um empate com sabor de vitória. Mais uma vez vemos a força do nosso grupo. Jogadores de 17 anos estreando no Gre-Nal e mostrando muita personalidade”, declarou o volante Sandro Silva. “Foi um grande resultado conseguir o empate aqui dentro (no Olímpico). Hoje atuaram jovens jogadores que sequer tinham vestido a camisa do Inter ainda. Por tudo isso foi um bom resultado. O sabor de fazer um gol em Gre-Nal também é ímpar”, completou o zagueiro Bolívar, autor do segundo gol do Inter.

Com o empate, o time do técnico Dorival Júnior chegou à terceira posição do Grupo 1 do estadual, com sete pontos, e deixou o Grêmio apenas em quinto no Grupo 2, com a mesma pontuação. Mas para o vice-presidente de futebol do Internacional, Luís Anápio Gomes, o resultado poderia ter sido ainda melhor.

“Merecíamos a vitória, pois a arbitragem do Leandro Vuaden, que é um grande árbitro, foi lamentável hoje. Marcou um pênalti inexistente. Tinha que ter marcado então em cima do Jô, que sofreu entradas iguais. Hoje o Inter provou que o seu time reserva é mais forte do que o do Grêmio”, afirmou, citando o pênalti que resultou no segundo gol do Grêmio, marcado por Marcelo Moreno.