Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Inglaterra e Itália lutam por vaga na semifinal

Um dos principais clássicos do futebol mundial fecha neste domingo, às 15h45(de Brasília), as quartas de final da Eurocopa. Inglaterra e Itália duelam no Estádio Olímpico, em Kiev, capital da Ucrânia, e apenas um dos dois gigantes seguirá na luta pelo mais importante título de seleções do Velho Continente. Além disso, o ganhador poderá pegar um pouco mais de embalo, já que ambos os times não têm conseguido fazer grandes apresentações.

Os ingleses acabaram o Grupo D na primeira posição, mas sofreram para vencer jogos que seriam relativamente tranquilos, como no 1 a 0 diante da Ucrânia, quando contaram com o auxílio da arbitragem, que não validou um gol legítimo dos ucranianos. Já a Itália acabou o Grupo C na segunda colocação, atrás da Espanha, e fechou a primeira fase com uma decepcionante derrota de 2 a 0 para a Suécia.

Em relação ao jogo deste domingo, os dois treinadores esperam um duelo equilibrado.

‘Acredito que Itália e Inglaterra têm muitas semelhanças, com virtudes e defeitos se anulando. Portanto, espero um confronto muito equilibrado, com o classificado sendo conhecido nos detalhes’, disse Roy Hodgson, comandante da Inglaterra.

Cesare Prandelli, técnico da Itália, considera que não será nenhuma surpresa se a partida for definida nos pênaltis, algo que só acontecerá em caso de empate no tempo normal e na prorrogação.

‘São dois times muito parecidos e isso acaba tornando o jogo igual. Acredito até mesmo que o confronto possa ser decidido nos pênaltis’, disse Cesare Prandelli.

Para este compromisso a Itália não poderá contar com o zagueiro Giorgio Chiellini, que foi vetado pelo departamento médico por causa de um estiramento muscular na perna esquerda. Leonardo Bonucci será o seu substituto.

Já pelo lado da Inglaterra, Roy Hodgson acena com a manutenção da base que vinha jogando a primeira fase e, se alguma modificação for feita, será uma surpresa até mesmo para a imprensa britânica.

FICHA TÉCNICA

INGLATERRA X ITÁLIA

Local: Estádio Olímpico, em Kiev (Ucrânia)

Data:24 de junho de 2012 (Domingo)

Horário: 15h45(de Brasília)

Árbitro:Pedro Proença (Portugal)

INGLATERRA: Joe Hart, Glen Johnson, John Terry, Joleon Lescott e Ashley Cole; James Milner, Steven Gerrard, Scott Parker e Ashley Young; Wayne Rooney e Danny Welbeck

Técnico: Roy Hodgson

ITÁLIA: Gianluigi Buffon, Ignazio Abate, Andrea Barzagli, Leonardo Bonucci e Federico Balzaretti; Thiago Motta, Daniele De Rossi, Andrea Pirlo e Claudio Marchisio; Antonio Di Natale e Antonio Cassano

Técnico: Cesare Prandelli