Clique e assine com 88% de desconto

Hamilton descreve explosão de sentimentos com vitória em Montreal

Por Da Redação - 10 jun 2012, 18h02

O britânico Lewis Hamilton sentiu uma emoção especial com a vitória do Grande Prêmio do Canadá de Fórmula 1, neste domingo. Ele fez uma prova praticamente sem erros e escolheu a estratégia certa para superar os adversários e vencer a prova disputada no mesmo circuito em que ele subiu ao lugar mais alto do pódio pela primeira vez na carreira, em 2007.

O resultado em Montreal ainda levou o piloto da McLaren à liderança do Mundial, o mais disputado da história da categoria, com 88 pontos, dois a mais do que o espanhol Fernando Alonso. Cada uma das sete provas já disputadas neste ano teve um vencedor diferente.

‘Que sentimento! Foi aqui que eu venci minha primeira corrida. Sabia que seria difícil, amei cada minuto e estou muito satisfeito’, disse Hamilton. ‘Eu não podia acreditar quando cruzei a linha de chegada, o sentimento foi como uma explosão, é isso que eu gosto no automobilismo’, completou.

Para vencer neste domingo, Hamilton adotou uma estratégia diferente de seus principais rivais. Ele realizou dois pit stops e acabou levando vantagem na parte final de corrida sobre Alonso e o alemão Sebastian Vettel, que perderam muito ritmo por causa da degradação dos pneus. O piloto da Red Bull ainda foi aos boxes a poucas voltas para o fim e conseguiu ultrapassar o espanhol, ficando em quarto.

Publicidade

O francês Romain Grosjean, da Lotus, e o mexicano Sergio Pérez, da Sauber, também escolheram a estratégia de duas paradas para troca de pneus e completaram o pódio em Montreal.

‘Acho que o time fez um grande trabalho com os pit stops e a estratégia. Fiquei muito, muito surpreso que eu tenha conseguido poupar os pneus e forçar nas horas em que precisei’, avaliou o novo líder da temporada.

Publicidade