Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Goleiro Fábio afirma que merece chance na Seleção Brasileira

Por Da Redação - 19 jun 2012, 13h43

O goleiro Fábio, que fez mais uma boa atuação na meta do Cruzeiro no jogo contra o Figueirense, teve a exibição elogiada em âmbito nacional, e, como conseqüência, voltou a ter o nome ventilado na Seleção Brasileira. Na reapresentação da Raposa, o jogador afirmou que dentro de campo tem correspondido e agradado praticamente todo o Brasil, menos o técnico Mano Menezes. Para o camisa 1, a oportunidade na equipe nacional seria merecida pela regularidade que mantém no Cruzeiro.

‘Injustiçado não só o Fábio, mas vários jogadores que poderiam ter oportunidades na Seleção Brasileira, de representar o país, ou pelo menos ser observado na Seleção. Ao longo das temporadas estou tendo um rendimento bom, isso faz com que eu me torne cada vez mais regular, e não posso fazer mais para ser convocado. Estou me empenhado ao máximo nos treinamentos e nos jogos, respeitando todos da minha posição. Acho que merecia uma oportunidade’, disse.

Apontado pela maioria da imprensa mineira e brasileira como o melhor goleiro do Brasil, Fábio justificou a ausência na Seleção com ironia. O atleta que é um dos líderes do elenco do Cruzeiro brincou com a situação e disse que a convocações não tem ocorrido porque ele é muito polêmico, se envolve em brigas e provoca rachas no grupo.

‘O treinador tem seus critérios e acho que sou um cara muito polêmico, brigo com todo mundo, não sou um cara de grupo e fico pouco tempo nos clubes, deve ser por isso que não sou convocado’, disparou Fábio, demonstrando insatisfação por não ter chances na Seleção.

Publicidade