Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ginástica artística fica em 2º na fase classificatória masculina

Competições masculinas foram marcadas por comoção com Diego Hypolito e ótimos desempenhos de Arthur Zanetti, Sérgio Sassaki e Francisco Barreto

Os atletas da ginástica artística se destacaram na classificatória masculina dos Jogos Olímpicos, com grande comoção no retorno de Diego Hypolito no solo, além de ótimos desempenhos de Arthur Zanetti, Sérgio Sassaki e Francisco Barreto. O grupo ficou na segunda colocação por equipes, com 268.078 pontos. Os japoneses lideram.

Diego Hypolito realizou bela apresentação no solo e não segurou a emoção após o exercício. Mesmo assim, acabou sendo desbancado pelo japonês Kohei Uchimura, grande favorito para o título individual geral. Em terceiro, ficou outro atleta do país asiático, Kenzo Shirai. Arthur Nory terminou o mesmo aparelho na quinta colocação.

Leia também:
Alison e Bruno Schmidt vencem na estreia no vôlei de praia
No tiro, americana de 19 anos ganha o 1º ouro do Rio

Arthur Zanetti, como era esperado, foi a primeira grande atração do Brasil na ginástica. O atual campeão olímpico atingiu pontuação de 15.533, mas foi superado pelo grego Eleftherios Petrounias, detentor do título mundial. Francisco Barreto está cotado para participar de final da barra fixa e, no salto sobre o cavalo, Sérgio Sassaki terminou o dia em terceiro lugar. Por equipes, o Brasil ficou na segunda colocação, atrás do Japão e Holanda.

(Com EFE)