Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Gallo assume o Náutico, promete tirar algo a mais e fecha treino

O primeiro dia do técnico Alexandre Gallo de volta ao comando do Náutico foi conturbado. Meia hora depois do desembarque na capital pernambucana, o treinador foi ao CT Wilson Campos, teve uma rápida conversa com os jogadores, comandou treino técnico e já foi oficialmente apresentado pela diretoria.

O discurso é confiante, mas a realidade nem tanto. Na sexta-feira, o novo comandante já fechará as portas do CT do Timbu à imprensa e promete, além de diálogo com todo o grupo, uma atividade para definir o time titular para a partida contra o Sport, no próximo domingo, válida pela semifinal do Campeonato Pernambucano.

Gallo garantiu que não será um ‘ditador’ logo na chegada e que a atitude é com a única intenção de acalmar o elenco do Náutico, eliminado da Copa do Brasil e desacreditado no Estadual. A respeito da escalação, o treinador priorizará suas impressões, mas não deixará de ouvir o auxiliar Levi Gomes, que foi interino nas últimas três partida

‘Tenho 70% das minhas opções definidas, mas não vou deixar de consultar a comissão técnica. Nesse pouco tempo não é nem certo trabalhar parte técnica. Temos pouco tempo, então vamos trabalhar mais a parte psicológica do time, que viveu, no Campeonato Pernambucano, momentos de altos e baixos’, afirmou Alexandre Gallo, apresentado ao torcedor do Timbu nesta tarde.

A um mês do início do Campeonato Brasileiro da Série A – competição para a qual o Timbu ascendeu ano passado -, o técnico evita pensar tão longe e tem como único objetivo o Campeonato Estadual: ‘Por enquanto pensamos na próxima competição, e o nosso desafio seguinte é o Sport. Uma equipe preparada, que foi primeira colocada na fase anterior. Ou seja, tem o seu poder. Mas vamos fazer de tudo para chegar nessa final e tentar tirar o algo mais dos jogadores’.