Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

França e Inglaterra duelam na estreia da Eurocopa buscando afirmação

Por Da Redação 10 jun 2012, 20h02

Duas grandes seleções em busca da afirmação. Assim pode ser apontada a luta de França e Inglaterra na Eurocopa de 2012. As equipes se encontram na estreia na competição nesta segunda-feira, às 13 horas (de Brasília), no Estádio Donbass Arena, em Donetsk, na Ucrânia, pela abertura do Grupo D, que conta ainda com a Suécia e com os anfitriões ucranianos, que duelam no mesmo dia.

Os franceses tentam apagar a má imagem deixada na Copa do Mundo de 2010, quando sequer conseguiram passar da primeira fase. Os ingleses chegaram às oitavas de final do Mundial, acabaram derrotados pela Alemanha e desde então jamais conseguiram convencer seus torcedores.

A França viu no comando de Laurent Blanc, ex-capitão da equipe e nome de respeito no país, ressurgir o carinho do torcedor pela sua seleção, algo que tinha sido abalado na gestão do ex-treinador Raymond Domenech. Coube ao novo comandante apostar em uma reformulação no elenco, que teve um início preocupante, mas que logo descobriu uma base capaz de dar alegria aos azúis nos próximos anos.

‘Nós estamos confiantes no trabalho que conseguimos desempenhar e na força de vontade dos jogadores. Não somos brilhantes, mas operários que sabem que precisam de muito esforço para conseguir recolocar a França no local de onde nunca deveria ter saído, o das grandes forças do futebol mundial’, destacou Blanc.O time tem no meia Franck Ribéry, estrela do Bayern de Munique, e no atacante Karim Benzema, peça importante do Real Madrid, as suas duas principais figuras. Mas o forte é mesmo o conjunto completado por peças bem interessantes, como o meia Samir Nasri, do Manchester City, e o lateral direito Patrice Evra, do Manchester United.

A Inglaterra chega ainda mais desacreditada que a França. Depois da demissão do técnico Fábio Capello, que não aceitou declarações racistas do zagueiro John Terry, a federação local demorou para efetivar Roy Hodgson na função. Portanto, pouco se sabe do que esperar de um time cujo o treinador foi confirmado há menos de dois meses do início do torneio. Junte-se a isso uma série de desfalques importantes. O zagueiro Gary Cahill e os meias Gareth Barry e Frank Lampard foram cortados por motivo de lesões, enquanto que a esperança de gols do time, o artilheiro Wayne Rooney, está suspenso dos dois primeiros jogos por atos de indisciplina.

‘Enfrentamos muitos problemas para chegarmos até aqui e essa é a única certeza que as pessoas parecem ter da seleção da Inglaterra. Mas nós sabemos que podemos ir muito longe nesta Eurocopa, pois nosso grupo é forte e conta com jogadores determinados. Acredito que essa estreia diante da França possa nos dar uma boa ideia de até onde podemos chegar na competição’, declarou Roy Hodgson.O treinador vai manter a base que vinha jogando, com John Terry e Joleon Lescott formando uma confiável dupla de zaga e o capitão Steven Gerrard organizando o meio-de-campo.No ataque, Andy Carroll e Danny Welbeck disputam para ver quem será o ocupante da vaga deixada por Rooney.

Na história da Eurocopa a França ficou por duas vezes com o título, em 1984 e em 2000. Já a Inglaterra, apesar de ter inventado o futebol, jamais foi campeã em seu continente. As melhores campanhas foram em 1968 e em 1996, quando os súditos da rainha foram eliminados nas semifinais.

FICHA TÉCNICA

Continua após a publicidade

FRANÇA X INGLATERRA

Local: Estádio Donbass Arena, em Donetsk (Ucrânia)

Data: 11 de junho de 2012 (Segunda-feira)

Horário: 13h(de Brasília)

Árbitro:Nicola Rizzoli (Itália)

FRANÇA: Hugo Lloris; Patrice Evra, Adil Rami, Philippe Mexes e Anthony Reveillere; Alou Diarra, Franck Ribéry, Hatem Ben Arfa, Yann M’Vila e Samir Nasri; Karim Benzema, Mathieu Valbuena e Olivier Giro

Técnico:Laurent Blanc

INGLATERRA: Joe Hart; Ashley Cole, John Terry, Joleon Lescott e Phil Jones; Scott Parker, Theo Walcott, Steven Gerrard e Oxlade-Chamberlain; Ashley Young e Andy Carroll (Danny Welbeck)

Técnico: Roy Hodgson

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)