Clique e assine a partir de 9,90/mês

Flamengo firma parceira com Comitê Olímpico dos EUA

Por Da Redação - 15 dez 2011, 14h37

Por AE

Rio – O Flamengo oficializou na manhã desta quinta-feira uma parceria com o Comitê Olímpico dos Estados Unidos (Usoc na sigla em inglês), que fará do clube carioca a sede dos norte-americanos na preparação deles para os Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro. O acordo também envolve treinos de equipes paraolímpicas. Por isso, boa parte dos 400 mil dólares que serão investidos pelo Usoc no Flamengo sejam com obras de acessibilidade. Apenas 10% deste valor será destinado para as despesas das equipes rubro-negras.

O primeiro ato da parceria, anunciada nesta quinta na Gávea, será a ida da equipe de natação para Colorado Springs, em fevereiro do ano que vem, visando a preparação dela para o Campeonato Sul-Americano, penúltima chance de os brasileiros da natação garantirem índice olímpico. A parceria prevê a possibilidade de outros intercâmbios e clínicas entre Flamengo e Usoc até o início da Olimpíada no Rio.

“É uma parceria que começa com um ciclo olímpico de antecedência, mostrando que o Flamengo está na vanguarda e investe em suas modalidades olímpicas, como clube formador. Eu, como ex-atleta olímpica, tenho um orgulho muito grande de aproximar o Flamengo da maior potência mundial no esporte”, comemorou a presidente Patrícia Amorim, que disputou as Olimpíadas de Seul na natação.

O diretor de eventos internacionais do Usoc, Doug Ingram, explicou a parceria. “O Flamengo será o centro principal de treinamento dos nossos atletas fora dos lugares oficiais destinados pelo COB. Vamos usar todas as estruturas para atingir nossos objetivos. É claro que vamos ter que complementar com outras instalações que não encontramos aqui, como uma pista de atletismo, por exemplo, mas tenho certeza teremos muito sucesso aqui no clube.”

Continua após a publicidade
Publicidade