Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Empresário diz que Lucas é Ferrari mal dirigida

Por AE

São Paulo – O empresário Wagner Ribeiro, que cuida da carreira de Lucas, colocou ainda mais fogo na polêmica que envolve o jogador e o técnico Emerson Leão. Em entrevista à Rádio Estadão/ESPN, o agente afirmou que o jovem jogador do São Paulo e da seleção brasileira é uma Ferrari mal dirigida.

“Uma Ferrari corre a 300 quilômetros por hora, mas se você não sabe dirigir, o carro não vai bem numa competição. O Lucas é a Ferrari, é o maior potencial do São Paulo”, afirmou o empresário, sem citar nominalmente que Emerson Leão é o piloto nesta analogia. “Ele está sendo mal administrado, mal trabalhado”, opinou Ribeiro.

O treinador criticou a atuação de Lucas na partida diante do Independente-PA na quarta-feira passada, dizendo que o meia-atacante abusa dos dribles e tem que tocar mais a bola. Neste domingo, contra a Portuguesa, o jogador adotou uma postura inversa, preferindo quase sempre o passe. Foi mal, saiu no segundo tempo e voltou a ouvir críticas. Até seu empresário acha que ele não jogou bem.

Na entrevista à Rádio Estadão/ESPN, Ribeiro reafirmou que não faltam interessados em tirar Lucas do São Paulo, mas o jogador não tem interesse em sair. “Todos os dias recebo proposta por ele, mas ele diz que ama o São Paulo e quero continuar. O São Paulo recusou 25 milhões de euros da Inter de Milão e 30 milhões (de euros) do Chelsea. O Lucas não quis sair, o São Paulo não quis vender o Lucas”, lembrou.