Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Em julgamento, Sutil se desculpa por agredir dirigente

Nesta segunda-feira, iniciou o julgamento do alemão Adrian Sutil pelos crimes de agressão e lesão corporal cometidos contra o sócio da equipe Lotus, Eric Lux, na noite de 17 de abril de 2011, em uma boate de Xangai, na China.

O julgamento terá duração de dois dias. Além de escutar Sutil e Lux, outras testemunhas presentes também deverão depor. Nesta segunda-feira, estarão presentes à corte os pilotos Jérôme D Ambrosio da Bélgica e o espanhol Pedro de La Rosa. O britânico Lewis Hamilton, amigo de Sutil,alegou ter compromissos profissionais e não compareceu ao julgamento.

O ex-piloto da Force India pediu inúmeras desculpas a Lux pela acontecimento. Naquela noite, Sutil estava bastante alcoolizado e atirou um pedaço de copo quebrado no empresário, ferindo-o gravemente na face e no pescoço. Ele foi levado ao hospital e terminou com 24 pontos na área ferida.

‘Fiz de tudo para tentar resolver esta questão’, disse Sutil em seu depoimento. ‘Eu lamento demais, sinto muito. Eu jamais quis que isso acontecesse’, se desculpou o alemão. A audiência continuará nesta terça-feira.