Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Em outro momento do Figueira, Túlio quer se vingar da Chapecoense

A Chapecoense foi a única equipe que conseguiu ‘carimbar’ a faixa do Figueirense no primeiro turno do Campeonato Catarinense. Com seis vitórias, dois empates e uma derrota – justamente diante do rival -, os comandados do técnico Branco se sagraram campeões daquela fase. O revés em Chapecó, no entanto, ainda não foi completamente digerido em Orlando Scarpell

Neste domingo, às 18h30 (de Brasília), dentro de casa, o Figueirense terá a chance de se consolidar na liderança do segundo turno, chegando a 13 pontos, e obter também a sonhada vingança do único time que o derrotou na temporada 2012. Na visão do volante Túlio, que foi absolvido de uma expulsão contra o Atlético de Ibirama e poderá entrar em campo no final de semana, a necessidade de vencer só aumenta por conta do retrospecto.

‘O Figueirense teve esse jogo no primeiro turno quando perdeu da equipe da Chapecoense, mas agora nós passamos por um outro momento. Vamos tratar o adversário com o respeito que merece, mas a gente vai buscar a vitória a todo custo, porque terminar o segundo turno na liderança é o nosso objetivo’, afirmou o volante após treino no CT do Cambirela, em Palhoça.

Os únicos desfalques do técnico Branco para escalar a equipe são os zagueiros Fred, lesionado, e Sandro, cumprindo suspensão automática, e o volante Ygor, que já vem sendo substituído por Doriva no time titular. Para ocupar a vaga na defesa ao lado de Canuto, João Paulo retorna ao time titular recuperado de lesão. ‘Fisicamente estou bem. Fiquei um tempo parado, mas trabalhei mais de 15 dias direto. Pela questão física não vejo nenhum problema de fazer essa partida’, disse.

A provável escalação do time que mede forças com a Chapecoense é a seguinte: Wilson; Pablo, Canuto, João Paulo, Guilherme Santos; Túlio, Doriva, Botti, Roni; Julio Cesar e Aloísio (Héber). Aloísio foi poupado do treino da quinta-feira, mas não preocupa a comissão técnica para domingo.