Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Drogba elogia o ‘incrível’ espírito de luta do Chelsea

Londres, 20 mai (EFE).- O atacante marfinense do Chelsea Didier Drogba, autor do pênalti decisivo na final da Liga dos Campeões, assegurou que a vitória de sua equipe neste sábado se deve ao ‘incrível’ espírito de luta do conjunto londrino, conforme declarou à rede britânica ‘Sky Sports’.

‘Estou na equipe há oito anos e meus companheiros me ensinaram o caminho. Quando você joga em um clube como o Chelsea sabe que não tem que se render até o final’, disse o atacante ‘blue’.

Drogba acrescentou também que tenta ‘embutir esse espírito de luta incrível nos novos e nos jovens jogadores do elenco’.

O ex-jogador do Olympique de Marselha, de 34 anos, eleito melhor jogador da final, foi o artífice da primeira Champions League da história da equipe ‘blue’ ao converter o último e definitivo pênalti.

Drogba marcou o gol de empate do Chelsea a dois minutos do término da partida, o que permitiu à equipe de Londres levar o jogo para a prorrogação e, posteriormente, aos pênaltis.

O goleiro Petr Cech, de 29 anos, se tornou então o herói da equipe ao defender o último pênalti batido pelo alemão Bastian Schweinsteiger.

‘Senti-me orgulhoso dos meus companheiros quando conseguimos o empate já que não foi fácil. Já nos pênaltis, adivinhei o lado cinco vezes e, quando toquei a primeira bola, sabia que ia pegar pelo menos uma’, assegurou o goleiro tcheco.

‘No final consegui defender dois, o que é fantástico’, disse o goleiro.

‘Não posso descrever o que sinto, estava gritando e não sabia o que fazer. Vi que Didier (Drogba) estava fazendo o mesmo que eu’, concluiu. EFE