Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Divisão de elite do surfe passa a ter antidoping em 2012

Por AE

Nova York – A Associação dos Surfistas Profissionais (ASP) confirmou a implantação dos exames antidoping a partir da temporada de 2012 do ASP World Tour, a divisão de elite do surfe mundial. Segundo a entidade, os testes vão seguir as normais da Agência Mundial Antidoping (Wada) e serão realizados tanto na disputa masculina quanto na feminina.

“Esta política representa um consenso entre os nossos surfistas, promotores dos eventos e administradores, para a evolução do esporte surfe a um nível mais profissional”, explicou o diretor executivo da ASP, Richard Grellman. “O desejo de iniciar o antidoping já existia dentro da ASP há vários anos, mas faltava verba.”

“Nós todos apoiamos a implementação da política antidoping na ASP”, afirmou o surfista Kieren Perrow, representante do grupo dos 34 atletas que formam a divisão de elite masculina em 2012. “É um passo positivo que realça o profissionalismo do surfe competitivo e transmite uma boa imagem para as crianças que olham para nós como ídolos.”

A temporada 2012 do ASP World Tour está programada para começar no dia 25 de fevereiro, em Gold Coast, na Austrália. Ao todo, serão disputadas 11 etapas ao longo do ano, inclusive uma no Brasil, marcada para 9 de maio, na Barra da Tijuca, no Rio. E o final do campeonato será realizado a partir de 8 de dezembro, no Havaí, nos Estados Unidos.