Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Diante do Botafogo, Bangu prega concentração e obediência tática

Tido como ‘azarão’ nas semifinais da Taça Rio, o segundo turno do Campeonato Carioca, o Bangu segue se preparando para o duelo contra o Botafogo, marcado para este sábado, às 18h30 (de Brasília), no Estádio do Engenhão. Ciente de que a partida tem tudo para ser muito complicada, Cleimar Rocha, técnico do Bangu, e os jogadores, acreditam que a obediência tática, considerada uma das principais virtudes da equipe, e a concentração ao longo dos 90 minutos serão fundamentais para a chegada à fina

‘Nosso time tem consciência de suas limitações e esse é o primeiro passo para se conseguir a vitória. Sabemos que vamos precisar dessa obediência tática e de manter a concentração durante toda a partida, isso é fundamental’, afirmou o técnico Cleimar Rocha.

Em relação ao time que vai a campo, o comandante faz mistério e tem duas dúvidas, pois ainda não sabe se poderá contar com dois importantes jogadores. O zagueiro Santiago, se recuperando de uma bursite, e o meia Almir, que sofre com lesão na coxa direita. O primeiro tem maiores possibilidades de ir a campo. Mas caso seja vetado, Raphael seguirá entre os titulares. Já o apoiador é praticamente carta fora do baralho, o que deverá abrir espaço para Gabriel Galhardo.

Com essas indefinições, o esboço do time do Bangu para este sábado é o seguinte: Willian Alves; China, Santiago (Raphael), Fernando Lopes e Renan Oliveira; Oliveira, André Barreto, Thiago Galhardo e Almir (Gabriel Galhardo); Fabinho e Sérgio Jr. Nesta sexta-feira, Cleimar comanda um recreativo e depois começa o período de concentração.