Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Daniel Carvalho agradece confiança da diretoria e do técnico Cuca

Por Da Redação 4 set 2011, 15h54

Protagonista na vitória do Atlético-MG contra o Avaí, o armador Daniel Carvalho, comentou as declarações do técnico Cuca, que afirmou que na chegada ao Galo pediu a dispensa do jogador, e só voltou atrás, depois que o próprio Daniel Carvalho solicitou uma nova chance. O atleta revelou que a confiança depositada por Cuca e pelo presidente Alexandre Kalil, colaboraram para a volta do bom futebol.

‘Acho que o que me fez feliz também foi essa confiança que o Cuca e o presidente me deram. Acho que eles confiaram no meu futebol. O presidente, depois do jogo, fez uma colocação. Ele disse que não fica feliz pelo que eu apresentei contra o Avaí, mas que fica triste, pois sabe que eu poderia estar fazendo isso há um ano no Atlético-MG e eu não fiz. Então, a gente sabe que é uma cutucada para tentar incentivar, nos colocar lá em cima. Entendo isso como um elogio do presidente’, declarou.

Daniel Carvalho ainda eximiu de culpa o ex-técnico do Galo, Dorival Júnior, por não ter apresentando um bom futebol no período em que ele estava no clube. Segundo o próprio jogador, oportunidades não faltaram, mas o atleta justifica o baixo rendimento apontando a fase do time como motivo para as coisas não acontecerem da forma adequada.

‘Eu jamais vou colocar a culpa em treinador. Eu tive oportunidades, tive alguns bons momentos com o Dorival e acho que estou num bom momento com o Cuca. Vou sempre assumir minhas responsabilidades. Quando eu estiver abaixo do meu rendimento é culpa minha e nunca da comissão técnica. Mas quando o time está numa fase ruim, em decadência, é complicado você entrar. Sempre entrei em alguns momentos delicados, então nunca vou fazer milagre’, comentou.

Continua após a publicidade
Publicidade