Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Com time misto, Vasco pega Aurora pela Sul-Americana

Por AE

Rio – Neste momento, com o Vasco na liderança do Campeonato Brasileiro e uma vaga na Copa Libertadores da América do ano que vem devidamente assegurada com o título da Copa do Brasil, a Copa Sul-Americana é apenas protocolar para o clube carioca. A comissão técnica cruzmaltina resolveu preservar a maioria dos titulares do confronto contra o Aurora, nesta quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), em Cochabamba, na Bolívia.

Apenas 15 atletas foram enviados para o duelo, válido pelo primeiro jogo das oitavas de final da competição. O restante do grupo ficou no Rio de Janeiro em preparação para o jogo contra o Internacional, no fim de semana, em Porto Alegre, pelo Brasileirão. Eles treinaram em São Januário, sem Juninho Pernambucano, que fica de molho por duas semanas após sofrer um estiramento leve na panturrilha esquerda.

A maior preocupação vascaína não é o Aurora em si, time em ascensão no cenário do futebol boliviano. Mais temida é a altitude de 2.600 metros de Cochabamba. Os jogadores ficam em Santa Cruz de la Sierra, ao nível do mar, até a manhã desta quarta, para minimizar os efeitos. “Esperamos que a adaptação seja a mais rápida possível para evitar uma surpresa ruim”, comentou o goleiro Fernando Prass, um dos poucos titulares que vão estar em ação. Os outros são o lateral-direito Fagner e o atacante Elton. Chance para suplentes pouco utilizados mostrarem serviço.