Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Com gol contra, Real vence Granada e ainda sonha com os 100 pontos

Real Madrid e Granada protagonizaram na tarde deste sábado um duelo de opostos no Campeonato Espanhol. Enquanto a equipe merengue, que já é campeã da competição por antecedência, entrou nos gramados sonhando em alcançar os 100 pontos e em proporcionar a Cristiano Ronaldo a marca de artilheiro da competição, o Granada tinha um objetivo mais modesto: fugir da zona de rebaixamento.

Apesar de ter permanecido na frente durante a maior parte da partida e de ter sofrido o revés dos pés de um dos próprios jogadores nos minutos finais, o Granada levou a pior no embate e saiu de campo derrotado pelo Real por 2 a 1, na partida disputada no estádio ‘Nuevo Los Cármenes’e válida pela 37rodada do Campeonato Espanhol.

O primeiro gol da partida foi convertido nos primeiros minutos de jogo. O atacante Jara, do Catania, conseguiu roubar a bola do brasileiro Marcelo e, com velocidade, chegou à meta defendida por Adán e abriu o placar para os donos da casa.

Durante o restante do primeiro tempo e o início do segundo o jogo ficou morno, sem grandes chances em nenhum dos dois lados. O artilheiro do Real, Cristiano Ronaldo, desencantou aos 35 minutos do segundo tempo, quando chutou forte no canto esquerdo, sem chances para o goleiro.

Os dez minutos finais foram os mais agitados da partida, com o campeão da temporada 2011/2012 indo pra cima. O gol da virada, no entanto, foi convertido contra pelo atacante David Cortés no último minuto de jogo. O gol gerou muitos protestos por parte dos jogadores Granada, que reclamaram com o árbitro de maneira incisiva após o apito final.

Embora o time do técnico Mourinho ainda esteja vivo na briga pela marca histórica dos 100 pontos, a conquista da artilharia pelo atacante Cristiano Ronaldo está cada vez mais distante, já que o seu principal concorrente, Lionel Messi, do Barcelona, marcou os quatro gols da vitória do Barcelona sobre o Espanyol também nesta tarde. Agora, o argentino possui 50 gols marcados na competição, enquanto o português ocupa a vice-artilharia, com 45.

Para permanecer na primeira divisão espanhola, o Granada dependerá do resultado da disputa da última rodada do Campeonato Espanhol, em que enfrenta o Rayo Vallecano, adversário direto, fora de casa, às 11 horas (de Brasília), do próximo domingo.