Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Classificado na Libertadores, Inter recebe o Veranópolis no Gauchão

Por Da Redação 21 abr 2012, 20h01

Classificado de forma relativamente dramática às oitavas de final da Libertadores na última quinta, o Internacional volta o foco para o Gauchão. Neste domingo, o Colorado encara o Veranópolis buscando uma vaga na decisão do segundo turno da competição regional.

Apesar do desgaste de viajar ao Peru, onde perdeu para o Juan Aurich por 1 a 0, a tendência é que o time que jogue contra o VEC seja formado por titulares, embora a primeira partida contra o Fluminense, pelas oitavas da Libertadores, seja na próxima quarta-feira. A delegação voltou em voo fretado desde Chiclayo justamente para ganhar tempo e evitar o desgaste de ter que viajar a Lima e esperar horas em aeroportos.

Jogadores mais desgastados por conta do excesso de jogos podem ser poupados. Uma volta certa ao time é a de Rodrigo Moledo, recuperado de uma tendinite. Ele não atuou no Peru devido a uma suspensão pela Libertadores. A fraca atuação de Bolívar, que falhou no gol da vitória do Juan Aurich, deve retirá-lo do time, a menos que Índio, 37 anos, seja preservado.

Dagoberto não deve retornar à equipe. Parado desde o dia 8 de abril por causa de uma lesão muscular na coxa, o atacante não tem retorno previsto aos gramados. Sua vaga será disputada por Gilberto e Jô. Oscar, envolvido em imbróglio jurídico com o São Paulo, segue fora. Dátolo continua na equipe. No meio, Guiñazu pode retomar seu lugar como titular, no lugar de Sandro Silva.

O objetivo colorado é jogar a decisão da Taça Farroupilha no Beira-Rio. Para tanto, a equipe precisa vencer o Veranópolis no tempo normal. Caso o Grêmio vença o Canoas nos pênaltis ou seja eliminado na partida de sábado, o Inter pode até mesmo derrotar o Veranópolis nos pênaltis que garante a final em casa. No momento, o Colorado tem 22 pontos neste segundo turno, contra 21 do Grêmio.

O Veranópolis sonha em repetir 2007. Há cinco anos, a equipe da Serra eliminou o Inter na primeira fase do Gauchão com uma vitória por 2 a 1, em casa, na última rodada. O gol da vitória ocorreu no último lance da partida, diante da equipe então campeã do mundo, treinada por Abel Braga, com sete titulares que haviam derrotado o Barcelona na final do Mundial, disputado menos de quatro meses antes.

Campeão do interior em 2012, o VEC é uma das equipes mais regulares do Gauchão. Além de Grêmio, Inter e São José, foi um dos únicos a se classificar para a fase final de ambos os turnos. Nas quartas de final, derrotou o Zequinha por 1 a 0. Neste estadual, a equipe já jogou no Beira-Rio: diante de um time misto do Inter, perdeu por 3 a 1, em fevereiro.

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL X VERANÓPOLIS

Continua após a publicidade

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)

Data: 22 de abril de 2012, domingo

Horário: 16h (horário de Brasília)

Árbitro: Anderson Daronco

Assistentes: José Eduardo Calza e Tatina Jacques de Freitas

INTERNACIONAL: Muriel; Nei, Rodrigo Moledo, Índio e Kleber; Guiñazu (Sandro Silva), Tinga, Dátolo e D’Alessandro; Gilberto (Jô) e Leandro Damiã

Técnico:Dorival Júnior

VERANÓPOLIS: Luís Müller; Raulen, Vagner Garibaldi, Fred e Denner; Paulinho Dias, Marcos Rogério, Eduardinho e Diogo Oliveira; Danilo Santos e Lê.

Técnico: Gilmar dal Pozzo

Continua após a publicidade
Publicidade