Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Chelsea empata com o Tottenham e segue longe da vaga na Champions

No aniversário de 25 anos do meio-campista Ramires, o Chelsea não conseguiu furar a defesa do Tottenham e, no Stamford Bridge, ficou apenas no empate por 0 a 0 com o rival londrino, na abertura da 30rodada do Campeonato Inglês.

Com o resultado, os Blues mantêm o retrospecto contra os Spurs em seu estádio: desde 1990, a equipe não é derrotada no Stamford Bridge pelo Tottenham, que chegou ao quinto jogo sem vitória na competição.

Ainda assim, o time de Harry Redknapp manteve uma vantagem confortável para o Chelsea. Antes sonhando até com a conquista do Campeonato Inglês, o Tottenham estacionou na quarta colocação – que dá a possibilidade de disputar uma vaga à Liga dos Campeões da Europa em fase preliminar -, e chegou aos 55 pontos, assim como o terceiro colocado Arsenal, que enfrenta o Aston Villa neste sábado.

O Chelsea, por sua vez, soma 50 pontos após o empate e pode ver o Newcastle chegar à mesma pontuação, caso vença o West Bromwich, no domingo. Atual quinto colocado, o time londrino tem, por enquanto, direito a apenas uma vaga na próxima Liga Europa.

O JOGO – Com o Chelsea tendo maior posse de bola no início da partida, o jogo começou morno, sem grandes chances para nenhum dos lados. Cautelosos, os times não chutavam a gol, e, tanto Friedel, goleiro do Tottenham, quanto Cech, do Chelsea, eram meros torcedores durante boa parte da primeira etapa.

O único grande lance de perigo aconteceu já nos acréscimos, em favor dos Spurs. Cech fez grande defesa em chute de Van der Vaart, e no rebote Ashley Cole salvou os donos da casa. Adebayor ainda tentou de cabeça, mas os dois times seguiram para o vestiário apenas com o empate sem gols.

Para tirar a diferença entre os dois times na tabela, o Chelsea voltou para o segundo tempo esboçando uma pressão sobre o rival, mas as finalizações, mais uma vez, eram erradas e os dois times não conseguiam aproveitar as chegadas ao ataque.

Coube, então, a Juan Mata acordar os torcedores no Stamford Bridge: aos 27 minutos, o espanhol cobrou falta na trave, e a resposta do Tottenham veio três minutos depois, com a cabeçada de Gallas, por cima do gol de Cech.

Aproximando-se do final da partida, os dois times passaram a buscar criar oportunidades mais perigosas. Aos 32, foi a vez de Drogba chegar com perigo: o camisa 11 ajeitou a bola dentro da área, mas finalizou mal, em cima de Friedel, que fez a defesa.

No lance seguinte, Adebayor tirou Cech da jogada e chutou para o gol, mas Cahill salvou o Chelsea, tirando a bola quase em cima da linha. Em escanteio, Bale cabeceou na trave, e o ex-jogador de Real Madrid e Arsenal tentou mais uma vez, desperdiçando nova chance.

Dos 40 minutos em diante, porém, as oportunidades voltaram a diminuir, e a última chance aconteceu nos acréscimos. Em cobrança de falta, Bale buscou o canto de Cech, que se esticou para definir o 0 a 0 no Stamford Bridge. Melhor para o Arsenal, que agora pode abrir vantagem na terceira colocação do Campeonato Inglês.