Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Chelsea confirma saída de Pato. E agora Corinthians?

Depois de dois jogos e um gol em seis meses, atacante deve se reapresentar ao Corinthians – que avalia o que fazer com ele

Alexandre Pato é do Corinthians novamente. O Chelsea oficializou nesta sexta-feira o fim do empréstimo de seis meses com o atacante, que curte os últimos dias de férias e terá de se reapresentar ao clube paulista na próxima terça-feira. Pato recebe cerca de 800.000 reais mensais de salário e não tem boa relação com jogadores e com a torcida corintiana. No entanto, diante da falta de opções, o novo técnico Cristóvão Borges e membros da diretoria já abrem as portas para um possível retorno. Será que ainda há clima para Pato em Itaquera?

A passagem de Pato pelo Chelsea foi desastrosa – apesar da alegria demonstrada em visita a pontos turísticos de Londres via redes sociais. O jogador de 26 anos não agradou ao técnico holandês Guus Hiddink, que o acusava de estar fora de forma. Fez apenas duas partidas em seis meses, marcou um gol (de pênalti), deu uma assistência e não deixou saudades. Em janeiro, Pato recusou uma proposta (salário mensal de mais de 2 milhões de reais) do futebol chinês, na esperança de se destacar no Chelsea e se manter na Europa.

Leia também:

Pato vira piada no Chelsea por novo visual

Alexandre Pato finalmente estreia no Chelsea – e marca até gol

Pato se despede do São Paulo e agradece: “Melhor ano como profissional”

O Corinthians está mais frustrado que o jogador. Comprado em 2013 por 40 milhões de reais, Pato causou grande dor de cabeça aos dirigentes e torcedores. Não se firmou e viu sua situação ficar insustentável ao errar de forma bizarra uma cobrança de pênalti diante do Grêmio, na eliminação da Copa do Brasil. Sem ambiente no clube, foi emprestado em 2014 ao São Paulo, em troca envolvendo o meia Jadson. Ficou dois anos no Morumbi, com o São Paulo arcando com metade dos salários do jogador, e terminou sua passagem em alta, como artilheiro do time.

Com o fim do vínculo com o São Paulo, Pato retornou aos treinos no Corinthians em janeiro, mas mal teve contato com os colegas. As duas partes deixaram claro que prefeririam uma venda, mas a única opção aceita por Pato foi o empréstimo ao Chelsea. Agora, com o novo fracasso, o Corinthians fica encurralado.

Pato tem contrato até 31 de dezembro e, portanto, já pode assinar um pré-contrato com outro clube – é bem pouco provável que alguma equipe se disponha a comprar o atleta neste semestre, pois poderá levá-lo, sem custos, em janeiro de 2017. O Corinthians ainda tem uma pequena esperança de se livrar do problema, ou pelo menos economizar com um novo empréstimo – até dezembro, apenas em salários, Pato terá a receber 4,8 milhões de reais. O Internacional, clube que revelou o jogador, já realizou uma consulta, mas a proposta não agradou ao Corinthians.

O técnico Cristóvão Borges já declarou que quer reforços para o ataque e admira o futebol de Pato. O ambiente com os atletas também não é problema, pois apenas Cássio, Danilo e Walter trabalharam com o atacante na turbulenta temporada de 2013. O maior problema passa a ser a torcida, ainda revoltada com a displicência do atleta e com os prejuízos que sua contratação causou. Pato se reapresentará na terça-feira e conversará com o presidente Roberto de Andrade para decidir sua situação.

(da redação)