Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Campeão, Fábregas nega ‘chatice’ e exalta estilo de jogo espanhol

Nos últimos quatro anos, a Espanha demonstrou sua hegemonia ao conquistar a Eurocopa, em 2008 e 2012, além da Copa do Mundo, em 2010. Seleção líder do ranking da Fifa, a Fúria, porém, tem sofrido com o estigma de ser tratada como uma equipe ‘chata’, que toca muito a bola, às vezes com pouca objetividad

Sem sofrer gols em mata-mata de competições oficiais desde o Mundial de 2006, a equipe espanhola passou sem problemas pela Itália, na decisão da Euro-2012, por 4 a 0. Após o jogo de domingo, o meia Fábregas rechaçou as críticas e defendeu o estilo da equipe, alegando ser esta a chave para o sucesso da Fúria.

‘Não tivemos que mudar nada. Não tivemos que provar que estavam errados, por acharem que nossa equipe é chata. Não é sobre o que vencemos, mas de que forma o fizemos. Estamos orgulhosos de nosso estilo de jogo. Se vencemos nos últimos quatro anos, é por causa de nosso estilo de jogo, pois acreditamos nele’, ressaltou, em entrevista para a Sky Sports News.

‘Nós impressionamos o mundo com nossa habilidade técnica e tática, pois futebol não é apenas ir ao ataque e marcar gols. Defensivamente nós fomos muito compactos e firmes, concedendo apenas um gol (contra a Itália, na estreia da fase de grupos) e marcando 12. Não considero isso um time chato’, completou.Diante das recorrentes conquistas do time espanhol, o meia do Barcelona ressaltou que dependerá do elenco a continuação do sucesso. De acordo com ele, é preciso mostrar vontade e desejo por novos títulos. Em 2013, o time de Vicente Del Bosque pode ampliar sua série de vitórias no Brasil, durante a disputa da Copa das Confederações.

Para manter a hegemonia, porém, o camisa 4 do Barcelona sabe que o elenco espanhol não terá tranquilidade. ‘A cada ano se torna mais difícil, porque os times querem nos vencer ainda mais. Temos agora que aproveitar e depois começar a pensar na Copa das Confederações no próximo ano’, finalizou.