Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Câmara aprova pedido de Romário para ouvir Teixeira

Dirigente da CBF está envolvido em denúncias de que teria negociado voto para escolha da sede da Copa de 2018. Requerimento foi aprovado por unanimidade

Por Gabriel Castro 31 Maio 2011, 20h31

A Comissão de Turismo e Desporto da Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira um requerimento convidando o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Ricardo Teixeira, a esclarecer as denúncias de corrupção que envolveram seu nome nos últimos dias. O deputado e ex-jogador Romário (PSB-RJ) é quem assina o pedido, aprovado por unanimidade.

Discreto até agora em sua passagem pelo Congresso, Romário argumentou: “Eu não tenho nada contra o presidente da CBF. Tenho até uma boa relação com ele. Não de amigo, mas uma boa relação. Acontece que a cada dia surgem denúncias novas, passadas e atuais, e acho bem interessante a oportunidade de tê-lo aqui nessa comissão”.

As mais recentes denúncias contra Teixeira dão conta de que ele teria pedido favores para apoiar a candidatura da Inglaterra a sede da Copa do Mundo de 2018.

O texto do requerimento de Romário cita a possibilidade de que as denúncias contra Teixeira podem prejudicar a imagem do Brasil e, consequentemente, a preparação para a Copa de 2014: “Em tempos de preparativos para a Copa do Mundo de 2014, ele protagoniza mais um escândalo envolvendo o seu nome e a CBF”.

Como o requerimento apenas convida, e não convoca, o dirigente, o presidente da CBF não é obrigado a comparecer.

Continua após a publicidade
Publicidade