Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Caio Júnior cobra reação para assegurar classificação à Libertadores

Por Da Redação 13 nov 2011, 21h54

Os seis pontos que separam o Botafogo do líder Corinthians parecem ter mudado o foco do técnico Caio Júnior no Brasileiro. Se antes o treinador fazia questão de colocar sua equipe entre os favoritos ao título nacional, agora o comandante alvinegro procurou cobrar uma reação de seus atletas para não deixar a vaga para a Copa Libertadores do ano que vem escapar.

A derrota por 2 a 0 para o Vasco fez o técnico lamentar as outras oportunidades de assumir a liderança que o time desperdiçou e recolocou o longo período que o Alvinegro não se classifica para o torneio continental em pauta. Com o objetivo definido no campeonato, o treinador espera que seus comandados mudem a postura dentro de campo para quebrar a incômoda sequência de duas derrotas consecutivas.

‘Poderíamos conquistar a liderança por três vezes e acabamos falhando. Sem dúvida o título fica bastante complicado e temos que focar totalmente no nosso primeiro objetivo, que é a conquista de uma vaga na Libertadores, coisa que o time não consegue há 16 anos’, lamentou o comandante.

Outra grande preocupação de Caio Júnior na sequência do Campeonato Brasileiro é o próximo adversário do Botafogo. Contra o América-MG, que ocupa a 19colocação, com 31 pontos, o treinador pregou cautela e lembrou que o Coelho já superou Corinthians e Fluminense nas duas últimas rodadas da competição.

‘Nós precisamos reagir. O América-MG é complicadíssimo. Não tem mais essa de que vamos jogar contra a equipe que até ontem era a última ou que está na zona de rebaixamento. Eles são bem preparados e bem organizados taticamente. Mas vamos para o jogo em busca de uma vitória’, completou.

Com o jogo diante dos mineiros marcado para quarta-feira, o Alvinegro terá pouco tempo para esquecer o revés sofrido no clássico e se preparar para mais uma decisão. Caio Júnior deverá apostar em treinos físicos leves e tentar corrigir o posicionamento de sua zaga para evitar novas surpresas na sequência do Brasileiro.

Continua após a publicidade
Publicidade