Clique e assine a partir de 9,90/mês

Brasileiro: clubes paulistas perdem e Fluminense goleia

Com os resultados da 13ª rodada da competição, distância do atual líder Corinthians para o segundo colocado - Flamengo - cai apenas para um ponto

Por Da Redação - 31 jul 2011, 17h55

Depois de um início avassalador e histórico – com nove vitórias e apenas um empate – o Corinthians começa a sentir a pressão do favoritismo para a conquista do Campeonato Brasileiro. Após perder a invencibilidade diante do Cruzeiro, em São Paulo, o alvinegro paulista sofreu um novo revés, perdendo para o Avaí por 3 a 2, na Ressacada. É a segunda derrota consecutiva na competição – e o primeiro indício de que a liderança da competição está, de fato, ameaçada: apenas um ponto separa o Corinthians (28 pontos), do Flamengo (27), segundo colocado.

Confira a classificação completa do Campeonato Brasileiro

O São Paulo, outro clube que se mantém há algum tempo no G-4 – grupo dos quatro primeiros da tabela – foi surpreendido em casa e perdeu para o Vasco da Gama por 2 a 0. No Rio de Janeiro, o Fluminense garantiu sua sexta vitória no torneio ao golear o Ceará por 4 a 0.

No complemento da 13ª rodada – e em mais uma grande partida -, o Atlético-PR derrotou o Santos, no último minuto do confronto, por 3 a 2.

Confira os jogos deste domingo:

Atlético-PR 3 x 2 Santos

O Atlético-PR conseguiu uma vitória importante contra o Santos, na noite deste domingo, na Arena da Baixada. Com um gol de Marcinho no final do jogo, o Rubro-Negro chegou ao triunfo por 3 a 2. Com esse resultado, o Furacão deixou a lanterna do Brasileirão, subindo para a 19ª posição, com oito pontos ganhos. Já o Peixe segue na zona do rebaixamento, no 17º lugar, com onze pontos e três partidas a menos em relação à maior parte dos seus concorrentes.

Bahia 3 x 1 Figueirense

O Bahia voltou a sentir o sabor da vitória neste domingo. O Tricolor derrotou o Figueirense por 3 a 1 e somou três pontos na Série A do Campeonato Brasileiro. Fato que não ocorria desde 25 de junho, quando venceu o Atlético-PR por 2 a 0.

América-MG 1 x 3 Coritiba

Continua após a publicidade

Mesmo jogando fora de casa, o Coritiba mostrou o mesmo futebol do segundo tempo da partida contra o São Paulo e bateu o América-MG por 3 a 1 sem fazer muito esforço, neste domingo, na Arena do Jacaré. Os gols da equipe foram marcados por Marcos Aurélio, duas vezes, e por Bill. Kempes descontou para os anfitriões.

Avaí 3 x 2 Corinthians

O Corinthians deu mostras de que conseguiria se recuperar do revés contra o Cruzeiro, mas sofreu uma virada do Avaí e acabou derrotado por 3 a 2, neste domingo, no Estádio da Ressacada. Os atacante Emerson e Jorge Henrique anotaram os gols dos paulistas, enquanto William e Rafael Coelho (duas vezes) fizeram para os catarinenses.

São Paulo 0 x 2 Vasco

O técnico Adilson Batista ainda não encontrou a forma ideal de jogo para o São Paulo no estádio do Morumbi. Na estreia do treinador em casa, na semana passada, o Tricolor perdeu dois pontos diante do Atlético-GO. Neste domingo, não conseguiu aproveitar o embalo do triunfo do meio da semana contra o Coritiba e amargou um resultado pior: derrota para o Vasco por 2 a 0, gols de Éder Luís e Felipe.

Fluminense 4 x 0 Ceará

O Fluminense não mostrou um grande futebol, mas foi o suficiente para bater por 4 a 0 o Ceará, neste domingo, no Engenhão, pelo Campeonato Brasileiro. Com gols de Fred, Souza, Rafael Moura e Rafael Sóbis, que marcou seu primeiro pelo clube, os tricolores se recuperaram da derrota no meio de semana e ficaram mais próximos dos líderes do Campeonato Brasileiro. Já os cearenses despediçaram a chance de encostar no G4 da competição.

Internacional 0 x 0 Atlético-GO

Nem a experiência de Índio com seus 300 jogos pelo Inter e nem o ímpeto de estreantes como Dellatorre e Jô conseguiram fazer os colorados saírem do 0 a 0 com o Atlético-GO, no Beira-Rio. Com dificuldade nas criações de jogadas, os gaúchos computam mais um resultado fora do esperado como mandante. Dentro de casa os colorados possuem duas vitórias, dois empates e duas derrotas no Campeonato Brasileiro.

(Com Gazeta Press)

.

Continua após a publicidade
Publicidade