Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Brasileiras não terminam marcha atlética. Guatemala leva o ouro.

A primeira prova do atletismo dos Jogos Pan-americanos de Guadalajara não terminou bem para o Brasil. Nenhuma das duas representantes do país conseguiu completá-la e o ouro da marcha atlética de 20km ficou com Jamy Amarilis Franco, da Guatemala. Além de quebrar o recorde pan-americano, ela conquistou o primeiro título da sua delegação no México com o tempo de 1h32min38s.

A brasileira Cisiane Lopes abandonou ao completar o 12quilômetro e foi diagnosticada com hipotermia pelos médicos do posto de atendimento. Ela era a 17e última colocada.

Érica Sena chegou a brigar por uma medalha, mas recebeu três punições e precisou diminuir o ritmo para não ser desclassificada. Apesar do seu esforço, ela foi excluída da prova faltando quatro quilômetros para o fim, quando estava em quinto lugar. Na marcha atlética, a atleta não pode somar quatro advertências.

A medalha de prata ficou com a Guatemala. Mirna Sucely Ortiz anotou o tempo de 1h33min37s, também abaixo do recorde pan-americano da mexicana Graciela Mendoza (1h34min19s), em Winnipeg-99. O bronze foi conquistado pela colombiana Ingrid Johana Hernandez (1h34min06s).