Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bellucci e Rogerinho perdem e Brasil dá adeus a Roland Garros

O Brasil está sem representantes em Roland Garros. Após a desistência de João ‘Feijão’ Souza, com dores nas costas, Rogério Silva e Thomaz Bellucci também ficaram para trás logo na primeira rodada do Grand Slam, em partidas disputadas nesta segunda, e foram os últimos brasileiros a darem adeus ao torneio.

Com a difícil missão de encarar o norte-americano John Isner na primeira rodada pela chave principal de Roland Garros, Rogério Silva acabou eliminado do torneio, após passar pelo qualifying. O número 11 do mundo provou seu favoritismo e aplicou parciais de 6/3, 6/4 e 6/4.Conhecido pelo forte saque, Isner utilizou muito o bom fundamento contra o brasileiro e marcou 17 aces, tendo um aproveitamento de 93% no primeiro serviço. Rogerinho ainda cedeu nove oportunidades de quebra ao norte-americano, mas Isner concluiu apenas três delas.

Foi a primeira vez que o paulista chegou a chave principal da competição em Paris. O próximo desafio de John Isner no Grand Slam será diante do vencedor do confronto entre o alemão Bjorn Phau e o local Paul-Henri Mathieu.Bellucci vacila e cede a virada

O brasileiro Thomaz Bellucci esteve à frente de Viktor Troicki no placar em duas oportunidades. Com bom desempenho no saque, o brasileiro conseguiu a quebra no terceiro serviço do sérvio, abriu 5/4 e sacou para fechar o primeiro set.

Na segunda parcial, porém, Thomaz não soube aproveitar da instabilidade do número 28 do mundo, errou muito e cedeu duas quebrar ao sérvio, que empatou a partida com 6/3 a favor.

Nervoso, Bellucci seguia errando no terceiro set, e permitiu novas quebrar a Troicki, que abriu 5/2 sem muitas dificuldades. O brasileiro, porém, conseguiu reação incrível, com direito a três quebras de serviço, e virou a parcial em 7/5.

Quando tudo indicava que Bellucci voltaria mais confiante para a parcial seguinte, Troicki conseguiu mais duas quebras logo no início do set, abrindo 4/0 e apenas administrando a vantagem até fechar em 6/3.

Abatido com os seguidos erros na partida, Bellucci não mostrou reação no set desempate, cedeu mais duas quebras ao sérvio e viu o adversário novamente abrir quatro games de vantagem. No 1/5, porém, o brasileiro chegou a respirar na parcial, ao devolver uma quebra e diminuir a desvantagem no placar, ao confirmar o saque. No serviço seguinte, porém, Troicki teve calma para confirmar o saque e fechar a partida com novo 6/3.

Com o resultado, Bellucci vê sua participação nos Jogos Olímpicos de Londres em xeque, já que perde 80 pontos no ranking – marcou 10 pela participação e perdeu 90 por não ter repetido o desempenho da última edição, quando chegou à terceira fase – e segue despencando no ranking mundial, base da definição dos tenistas que irão aos Jogos. Já Troiscki, número 28 do mundo, encara agora o italiano Fabio Fognini, em busca de vaga na terceira fase do aberto francês.