Atlético-MG bate Grêmio e assume a ponta do Brasileiro

Por Da Redação - 1 jul 2012, 20h58

Por Lucas Azevedo

Porto Alegre – O Grêmio perdeu por 1 a 0 para o Atlético-MG, neste domingo, no estádio Olímpico, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro, em jogo que ficou marcado pelo novo encontro de Ronaldinho Gaúcho com a torcida gremista. Melhor para o time mineiro, que subiu para a liderança da competição.

A vitória levou o Atlético-MG aos 16 pontos. A equipe se aproveitou da derrota do Cruzeiro, para o São Paulo, no sábado, para a assumir a ponta. Na próxima rodada, o time mineiro enfrenta a Portuguesa, no domingo que vem, em casa. Já o Grêmio, que ficou na quinta posição, com 12 pontos, joga contra o Santos, no mesmo dia, na Vila Belmiro.

Neste domingo, Ronaldinho, que deixou o clube gaúcho em 2001, foi amplamente vaiado pela torcida. Quando encostava na bola, os gremistas reagiam aos gritos de “pilantra”. O mesmo ocorreu quando ele cobrou um escanteio, aos 25 minutos do primeiro tempo, em lance que resultou no gol.

Publicidade

De Ronaldinho, a bola sobrou para Bernard, que mostrou toda sua qualidade técnica. O meia recebeu no lado esquerdo do campo, quase na linha de fundo, deu dois chapéus nos zagueiros gremistas, antes de passar para Jô, que, de voleio, marcou. Um gol para ficar na memória do torcedor atleticano.

O Grêmio voltou do intervalo ainda perdido, sem conseguir alcançar o Atlético-MG, que exigiu bastante do goleiro Marcelo Grohe, substituto de Vitor – negociado justamente com o clube mineiro. Já aos 37 minutos do segundo tempo, Anderson Pico deu uma entrada dura no adversário e recebeu um cartão vermelho, mesmo sem ter o amarelo.

No final da partida, Ronaldinho Gaúcho comemorou muito. “É sempre bom vencer aqui. Sempre gostei”, afirmou. Ao deixar o campo, ele se dirigiu ao vestiário do Grêmio. No meio do caminho, deu meia volta. Alguns torcedores falam em deboche, outros disseram que é o costume dos anos no clube.

FICHA TÉCNICA:

Publicidade

GRÊMIO 0 X 1 ATLÉTICO-MG

GRÊMIO – Marcelo Grohe, Edilson (Tony), Vilson, Gilberto Silva e Anderson Pico; Fernando (André Lima), Souza, Léo Gago (Rondinelly) e Zé Roberto; Kleber e Marcelo Moreno. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

ATLÉTICO-MG- Giovanni; Serginho (Marcos Rocha), Leonardo Silva, Rafael Marques e Júnior Cesar; Pierre, Leandro Donizete, Bernard (Richarlyson) e Ronaldinho; Danilinho (Escudero) e Jô. Técnico: Cuca.

GOLS – Jô, aos 25 minutos do primeiro tempo.

Publicidade

ÁRBITRO – Paulo César Oliveira (Fifa/SP).

CARTÕES AMARELOS – Serginho, Leandro Donizete, Jô, Vilson.

CARTÃO VERMELHO – Anderson Pico.

PÚBLICO – 34.550 espectadores (total).

Publicidade

RENDA – não disponível.

LOCAL – Estádio Olímpico, Porto Alegre (RS).

Publicidade