Clique e assine a partir de 9,90/mês

Após outra vitória, técnico do América se diz satisfeito com elenco

Por Da Redação - 19 jan 2012, 15h04

Depois de golear na estreia do Campeonato Potiguar, o América-RN entrou em campo na noite desta quarta-feira e venceu mais uma. No Estádio Nazarenão, com o apoio de sua torcida, o Dragão bateu o Palmeira por 3 a 1.

Em um jogo bastante movimentado, o árbitro Pablo Ramom marcou três pênaltis. O primeiro gol de bola parada foi marcado pelo atacante Wanderley, do América, aos 20 minutos do primeiro tempo. Aos 14 minutos do segundo tempo, mais um gol de pênalti do atacante do Dragão. A resposta do Palmeira veio aos 40 minutos da etapa complementar, depois que o goleiro Fabiano derrubou Batista na área. Nino cobrou e descontou para a equipe alviverde. Mas já nos acréscimos, o volante Fabinho recebeu passe de Ricardo Oliveira e chutou forte para fechar o placar.

Com o resultado, o time do técnico Flávio Araújo garantiu a liderança isolada do Campeonato, com seis pontos, dois à frente do Corintians-RN, segundo colocado. Em entrevista coletiva, Araújo reconheceu que não foi uma vitória fácil.

‘Sabiamos que seria um jogo pegado, já que o Palmeira tem jogadores de qualidade e começou cedo sua pré-temporada. Conquistamos um resultado muito difícil, foi um bom jogo e estamos crescendo a cada jogo e vamos lutar para chegar à final do turno.’

Continua após a publicidade

O comandante se mostrou satisfeito com o desempenho de sua equipe, principalmente com os homens de frente. ‘A disputa no ataque vai ser acirrada, já que temos muitos jogadores de qualidade para a posição.’

Araújo lembrou ainda que o time como um todo mostrou bastante competitividade. ‘Contamos também com o apoio do meio-campo e da defesa, que se portaram muito bem e temos muito a ganhar com isso. Nos três setores tivemos uma boa atuação e a equipe está buscando melhorar a cada jogo.’

O próximo adversário do alvirrubro potiguar será o Baraúnas, no domingo, ás 16h. Mesmo jogando em casa, Araújo garante que será mais um jogo difícil.

‘O Baraúnas é um adversário difícil, montou um elenco de qualidade e que tem passagens por grandes time do nordeste e teremos um grande jogo, principalmente porque o time de Mossoró quer umas das quatro vagas na final e não iremos ter vida fácil’, sentencia.

Publicidade