Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Alecsandro comemora retorno ao Vasco para a reta final do Brasileirão

Por Da Redação - 6 out 2011, 13h59

Após se recuperar de lesão e contar com a suspensão de Élton, o atcante Alecsandro volta ao time do Vasco neste domingo, quando enfrentará seu ex-clube, o Internacional, no Beira-Rio, pelo Campeonato Brasileiro. O jogador afirmou que estava ansioso para retornar aos gramados, mas ressaltou que ficou de fora da equipe antes da reta final da competição.

‘É sempre ruim ficar fora dos jogos por lesão. Agora estou de volta e espero poder aproveitar a oportunidade para voltar a marcar gols. Já tinha passado por isso no Internacional no passado e agora no Vasco, que fiquei fora por sete rodadas. No entanto, se tivesse que escolher uma hora para ficar lesionado seria agora, pois quem sair a partir de agora praticamente está fora do Campeonato Brasileiro’, disse o atacante, lembrando que faltam apenas dez rodadas para o término da competição.

Alecsandro planeja voltar a ser decisivo para o Vasco nas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro, assim como foi na Copa do Brasil, no primeiro semestre.

‘Na minha primeira coletiva quando cheguei, falei que vinha para conquistar títulos. Mesmo o time em situação ruim na época, fomos melhorando e conseguimos o título da Copa do Brasil, marcando gols na duas partidas finais e sendo o artilheiro da competição. Além disso, é sempre bom ver seus próprios companheiros comemorando a minha volta ao time’, declarou.

Publicidade

Sobre voltar ao Beira-Rio, Alecsandro minimizou o assunto e afirmou que não tem mágoa do ex-clube. Para o atacante, uma parte da torcida o escolheu como um dos culpados pelo fracasso no Mundial de Clubes de 2010.

‘Eu não tenho mágoas do Internacional, nem do torcedor, até porque não tem razão. Conquistei títulos pelo Internacional, amigos também. No entanto, depois do Mundial, a torcida pegou alguns jogadores para criticar e eu fui um deles. Creio que isso foi uma minoria, pois já fui em Porto Alegre depois e fui muito bem recebido. Agora estou no Vasco e quero buscar o melhor para o time’, finalizou.

Publicidade