Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Adilson vê evolução do São Paulo, mas lastima novo tropeço

Por Da Redação 6 out 2011, 00h44

O técnico Adilson Batista gostou da atuação do São Paulo no empate por 3 a 3 com o Cruzeiro, nesta quarta, em Sete Lagoas. No entanto, os dois pontos desperdiçados impediram que o treinador comemorasse a evolução que percebeu em sua equipe.

‘Não que a gente esteja contente com esse empate, pelo jogo, pelo volume, pelas situações. Estamos a três (pontos do líder Vasco, que tem um jogo a menos), mas vamos aguardar. O time teve personalidade, teve desatenção no finalzinho, nos gols sofridos, mas teve crescimento’, analisou o comandante.

‘Não é questão de ser preocupante. Nós queríamos arrancar, era importante vencer. Estivemos para vencer outros jogos também e não conseguimos. Vamos tentar recuperar no próximo, contra o Internacional. Era um jogo importante para encostar. A gente vem, não é de hoje, deixando escapar pontos que podem fazer falta lá na frente’, lamentou Adilson.

O treinador, que surpreendeu ao colocar Casemiro no banco de reservas e Rivaldo entre os titulares, terá de mudar a equipe novamente para o duelo da próxima quarta-feira, contra o Internacional, no Morumbi. Denilson, expulso, não poderá jogar. Lucas, que estará servindo à Seleção Brasileira um dia antes, continua fora. Piris, que está com a seleção paraguaia, terá sua condição física analisada quando voltar. Já Wellington está livre de suspensão.

Continua após a publicidade
Publicidade