Clique e assine a partir de 8,90/mês

Acidente com o time da Chapecoense comove o mundo

O francês 'Le Monde' reporta que as condições climáticas no momento do acidente eram péssimas, com fortes chuvas e ventos

Por Da redação - Atualizado em 29 nov 2016, 09h35 - Publicado em 29 nov 2016, 08h21

A tragédia com o avião que transportava o time da Chapecoense para disputar um jogo no Colômbia foi destaque na imprensa mundial. A notícia foi manchete do site da CNN, que destaca o pedido de emergência feito pela aeronave entre as cidades de La Ceja e La Union. A britânica BBC também destaca o acidente na manchete de seu site, explicando que a equipe iria jogar o primeiro jogo da final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional, de Medellin.

O acidente também foi destaque no britânico The Guardian, que fez inclusive uma cobertura ao vivo reportando as informações mais recentes para seus leitores. O jornal informa o número de mortos – 76 confirmados.

Leia também
Avião da Chapecoense cai na Colômbia. Há pelo menos 76 mortos
Resgate no local do acidente é suspenso devido a chuva
Esposa diz que jogador da Chapecoense está vivo

O francês Le Monde reporta que as condições climáticas no momento do acidente eram péssimas, com fortes chuvas e ventos. O El País, o maior jornal de língua espanhola, estampa em sua manchete uma foto do lateral brasileiro Alan Ruschel, que foi resgatado com vida pelos socorristas. O site do argentino Clarín estampou uma grande imagem do avião acidentado que transportava a equipe brasileira.

O time da Chapecoense e 21 jornalistas que iriam trabalhar no jogo embarcou em Guarulhos e fez escala em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia. Lá, seguiu num voo fretado da empresa Lamia. Por volta das 22h15 (hora local), o avião sumiu dos radares. A causa do acidente ainda não foi esclarecida. O voo tinha 81 pessoas, 76 passageiros e nove tripulantes. Seis pessoas sobreviveram, entre eles o lateral brasileiro Alan Ruschel.

Continua após a publicidade
Publicidade