Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Absolvido, Busquets defenderá Barcelona em decisão

Jogador estava sendo acusado de chamar adversário brasileiro de 'macaco'

Por Da Redação 16 Maio 2011, 13h38

A Uefa absolveu o volante Busquets da acusação de racismo no episódio em que ele teria chamado de “macaco” o lateral-esquerdo brasileiro Marcelo, do Real Madrid, na semifinal da Liga dos Campeões. Com isso, o jogador poderá defender o Barcelona na decisão do torneio continental, no próximo dia 28, no Estádio de Wembley, na Inglaterra, contra o Manchester United.

Busquets corria o risco de ser suspenso por até cinco jogos. O clube de Cristiano Ronaldo e Kaká baseou a sua acusação em uma imagem de vídeo durante a partida do último dia 27 de abril, em Madri, onde o Barcelona venceu por 2 a 0 o duelo de ida da semifinal. O caso foi julgado no último domingo pela Uefa e a denúncia do Real acabou sendo “rejeitada”, conforme o Barcelona e a entidade que controla o futebol europeu confirmaram oficialmente nesta segunda-feira. (Com Agência Estado)

Publicidade