Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Sem ‘Lula’, país será representado por Vik Muniz

Artista plástico é tema do longa 'Lixo Extraordinário', co-produção Brasil-Inglaterra que concorre a Oscar de melhor documentário

Apesar do fracasso de Lula, o Filho do Brasil em tentar uma vaga na lista de indicados a melhor filme estrangeiro, o país não ficará ausente da cerimônia do Oscar. Tema do longa Lixo Extraordinário, co-produção Brasil-Inglaterra que concorre a melhor documentário do ano, o artista plástico Vik Muniz será o grande personagem brasileiro da noite de 27 de fevereiro.

Lixo Extraordinário, que está em cartaz no país desde sexta-feira passada, mostra o trabalho e a relação de Muniz com catadores de lixo do Jardim Gramacho, na Baixada Fluminense, que ele contratou para selecionar materiais e montar suas obras em um galpão no subúrbio carioca. A produção vai concorrer com longas como Exit Through the Gift Shop, do artista de rua Banksy.

O filme é produzido pela brasileira O2 Filmes e pela inglesa Almega Projects e conta com dois brasileiros na direção: João Jardim e Karen Harley, que trabalham em parceria com a britânica Lucy Walker. Lixo Extraordinário já ganhou quase vinte prêmios em festivais de cinema.

Confira abaixo o trailer de Lixo Extraordinário: