Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Prova do líder terá confronto entre novatos e veteranos

Objetivo da produção é instigar a rivalidade: vencedor da prova vai garantir a imunidade de todo o grupo, e deixará os rivais sujeitos ao paredão

A vantagem de ter um sexteto de ex-BBBs na 13ª edição do programa começa a aparecer na noite desta quinta-feira. E não há como a casa ficar em paz: a primeira prova do líder levará os dois grupos – novatos e veteranos – a se confrontar pela primeira vez, em bloco. E o ‘brother’ vencedor garantirá imunidade a seus pares. Ou seja: o resultado já determinará se um novato ou um ‘ressuscitado’ será o primeiro eliminado do BBB 13.

Enquete: Bambam e Dhomini mereciam uma nova chance no BBB? Vote

A prova em grupo é a escolha que deixa mais clara a vontade de Boninho de ver a briga entre os dois grupos deslanchar de vez. O racha já está sendo arquitetado pela produção há tempos e muitas estratégias já foram colocadas em prática. Os novos integrantes entraram primeiro e, quando já estavam à vontade com a casa e os participantes, chegaram os antigos -naturalmente mais à vontade e em vantagem com a popularidade que já tinham de outras edições. A divisão dos quartos – e metáfora na decoração – foi outra tática para separar os grupos. Além de dormirem juntos, os veteranos ficam em uma biblioteca, templo da sabedoria e experiência. “Lá vocês, que são ‘experts’ em BBB, vão poder refletir”, ironizou o apresentador Bial. Os novatos, que ainda têm muito que aprender, dormem no quarto Brechó.

LEIA TAMBÉM:

Radar: BBB tem a pior estreia de todas as edições

Os participantes malas estão de volta

Casa de Vidro: o purgatório das subcelebridades

Que deselegante: Casa de Vidro antecipa a baixaria do BBB 13

Os esforços estão surtindo efeito. Antes da festa dessa quarta-feira, os ‘brothers’ já ensaiavam intrigas. Alguns confessaram que se sentiram mal com a volta dos ex-participantes. “Antes de eles chegarem eu estava toda animada. Quando aquele bando de gente foi entrando eu fui murchando”, disse Fernanda. “É óbvio que eles vão votar na gente”, opinou a veterana Natália.

“Não tenho dúvidas de que os votos daqui serão para lá e os de lá para cá”, disse Nasser, que constantemente puxa o assunto. O designer ganhou uma prova de resistência que garante imunidade e terá o direito de salvar um participante da votação para o paredão desta semana. Em várias conversas no quarto destinado aos novatos, Nasser disse que se sentiu acuado e em desvantagem com a chegada dos ex-BBBs. “A gente quando entrou na casa era um grupo de oito, que não conhecia a casa e não conhecia ninguém. Era 0x0, todo mundo zerado, e aí vocês entraram”, falou para Dhominni pouco antes de o goiano desistir da prova de resistência.