Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Os melhores bares para a happy hour em Recife

Confira os endereços da categoria que valem a visita

O roteiro a seguir, com nove estabelecimentos, integra a edição digital de VEJA COMER & BEBER RECIFE 2017/2018:

 

Barbosa Cozinha e Bar

Com mesinhas de plástico dispostas na calçada (e na rua), é uma das atrações da animada Mamede Simões. Das porções mais generosas e feitas para compartilhar com até quatro pessoas, a especialidade é a fritada de aratu (R$ 36,00), uma omelete de caranguejo também oferecida nas variações bacalhau e charque (R$ 34,00 cada uma). O arrumadinho de carne de sol sai por R$ 34,00. Durante o bate-papo, em geral se esvaziam as garrafas de 600 mililitros de cerveja Brahma (R$ 8,00), Heineken (R$ 11,00) e Serramalte (R$ 10,00).

Rua Mamede Simões, 115, loja 6, Santo Amaro (48 lugares). 17h/1h (fecha dom.). Aberto em 2010.

 

Boi Neon

Mais uma portinha no corredor arejado da Mamede Simões. O público ligado à cena cultural da cidade se reúne para acionar a radiola de ficha (R$ 2,00, três músicas) e beber long neck de Heineken e Eisenbahn (R$ 6,00 cada uma). O cardápio também sugere dez rótulos de cachaça, a exemplo de Serra Limpa, Germana e Salinas (R$ 7,00 a dose), e o drinque sem álcool mentirosca, uma mistura de kiwi com água de coco, gelo e açúcar (R$ 9,90) — há variações de morango e maracujá. Para petiscar, a cozinha manda para as mesas o trio nordestino, com carne de sol, calabresa e charque desfiado (R$ 39,90). Produção própria, a coxinha de frango ou charque custa R$ 5,90.

Rua Mamede Simões, 144, loja 1, Santo Amaro, 3221-0067 (180 lugares). 17h/0h (qui. a sáb. 17h/4h; fecha dom.). Aberto em 2016.

 

Brasse Barchef

Em clima informal, grupos de amigos batem papo enquanto bebem chope Heineken ou Amstel (R$ 10,00 cada um) ao lado do rolinho primavera recheado de pato desfiado com gengibre e molho de laranja (R$ 24,00, duas unidades) e do tartare de salmão e crocante de pistache coberto por espuma de limão, para comer com torradas  (R$ 36,00). A adega guarda vinhos como o tinto Robert Mondavi Woodbridge Cabernet Sauvignon safra 2015, da Califórnia (R$ 64,00).

Rua 17 de Agosto, 1893, Poço da Panela, 3204-8500 (160 lugares). 17h/1h (sex. e sáb. até 2h; dom. até 22h; fecha seg). Aberto em 2015.

Confraria do Mar

De camarão, saem a porção de pastel (R$ 24,90, oito unidades) e o escondidinho (R$ 9,90, individual). Alternativa às receitas do mar, o filé-mignon em tiras chapeadas e flambadas em conhaque, ao molho de creme de leite e parmesão, acompanha torradas amanteigadas (R$ 22,90, para três pessoas). Ao lado dos pedidos são sempre vistas garrafas de Serramalte (R$ 12,00, 600 mililitros) e copos de chope Brahma (R$ 6,90, 300 mililitros). No esquema voz e violão, há MPB ao vivo de terça a domingo, exceto às quintas, quando o tom é de samba. O couvert artístico custa R$ 7,90 às quintas, às sextas e aos sábados e R$ 6,90 nos demais dias.

Rua Frederico, 82, Encruzilhada, 3427- 9432 (360 pessoas). 11h/1h (dom. até 23h; fecha seg.). Aberto em 2000.

 

Derbilhar

Receita para duas pessoas, a costela de porco cozida no forno durante seis horas recebe molho barbecue e guarnição de batata frita (R$ 21,90). O quibe de carne (R$ 18,00, três unidades) também faz sucesso. Completam os pedidos as garrafas de Serramalte (R$ 10,00, 600 mililitros) e Petra Weiss (R$ 15,00, 500 mililitros). A carta de cachaça relaciona 37 rótulos, entre eles o da mineira Famosinha (R$ 6,00 a dose). Lá tem mesa de sinuca (R$ 15,00 a hora) e radiola de ficha (R$ 2,00, três músicas).

Rua da Baixa Verde, 21, Derby, 98835-5782 (90 lugares). 16h/0h (sex. e sáb. até 3h; fecha dom.). Aberto em 2009.

 

Ilha dos Navegantes

No início da noite, quem escolhe as mesas do terraço em geral aprecia a morna brisa do mar. O momento é bom para pedir o camarão-rosa à milanesa (R$ 94,90) ou o filé à parmigiana com batata frita (R$ 69,90). As receitas são indicadas para o apetite de duas pessoas e podem ser acompanhadas de cerveja Colorado Cauim (R$ 19,50, 600 mililitros ou de 1 litro de clericot (R$ 88,90).

Rua dos Navegantes, 2055, Boa Viagem, 3326-5317 (300 pessoas). 11h/2h (sex. e sáb. até 4h). Aberto em 2009.

 

Ramón HostelBar

Das concorridas mesas na calçada, a turma costuma pedir cerveja Heineken (R$ 10,00) ou artesanais pernambucanas, como a lager da DeBron (R$ 15,50), a Risoflora (R$ 23,00) e a Capunga (23,00). Em garrafas de 600 mililitros, elas molham a garganta entre uma e outra mordida de pizza cortada em doze fatias pequenas, para comer com as mãos. A homero leva pimentão vermelho, presunto e ovo (R$ 33,00); a bob marley é feita de berinjela, alho frito e mussarela (R$ 32,00). A lista de empanadas (R$ 6,00 a unidade de qualquer sabor) ganhou uma versão nordestina feita de queijo de coalho e charque.

Rua Olavo Bilac, 20, Boa Viagem. 3036-6930. (70 lugares). 18h/1h (sex. e sáb. até 2h; dom até 0h; fecha seg.). Aberto em 2013.

 

Real Botequim

Cervejas Eisenbahn (R$ 11,90) e Baden Baden Cristal (R$ 15,90), em garrafas de 600 mililitros, são a pedida ao lado de beliscos leves, como a abobrinha enrolada em mussarela e peito de peru defumado ao molho de tomate (R$ 18,90, cinco unidades), ou mesmo acompanhando pratos reforçados. A posta de bacalhau puxada no azeite mais pimentões, cebola e alho é escoltada por batata sautée e arroz de brócolis (R$ 84,90, para dois). O chorinho ao vivo nas tardes de sábado já virou tradição. Ele começa às 14h, vai até às 17h e o couvert artístico é de R$ 6,00.

Avenida 17 de Agosto, 1761, Casa Forte, 3266-1899 e 3034-3434. (300 lugares). 11h/1h (seg. 17h/1h). Aberto em 2006.

 

Ursa Bar e Comedoria

O chef e sócio Lucas Muniz conta que foi buscar inspiração em bares da Europa oriental para montar seu espaço. No salão de paredes descascadas fica o balcão atrás do qual são preparados os seis drinques do cardápio. O amarelo manga mistura purê de maracujá, manga e grenadine (R$ 16,00, 400 mililitros). Já o mix de uísque Jack Daniel’s, tabasco, extrato de frutas vermelhas e Coca-Cola sai por R$ 18,00. Para beliscar, há cubos crocantes de risoto de gorgonzola (21,90, dez unidades) e tábua degustação: bolinho de chambaril, picles artesanais, chips de batata-doce e macaxeira (R$ 25,00, para dois). Às sextas e aos sábados, a conversa é embalada pela seleção de música eletrônica e brasileira do DJ residente Sócrates Alexandre. Uma vez por mês tem pocket show de bandas independentes.

Rua Carneiro Vilela, 30, Aflitos, 3038-3916 (100 pessoas). 17h/3h (fecha seg.). Aberto em 2017.