Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Namorado de Kéfera se defende de críticas sobre racismo

Gusta Stockler foi acusado de usar blackface -- maquiagem que escurece a pele do rosto. 'Vocês já perceberam que eu não sou branco, né?', questionou o rapaz

Depois de ser acusado de racismo por ter pintado o rosto, Gusta Stockler, namorado da youtuber Kéfera, escreveu um texto nas redes sociais para se defender e negar que teria escurecido o tom de pele. “Vocês já perceberam que eu não sou branco, né?”, perguntou. “Vocês devem ter percebido já que posto fotos e vídeos que minha pele é morena e que tenho traços indígenas em minha aparência”, disse

O rapaz, que também é dono de um canal no YouTube, afirmou que durante toda a vida foi alvo de preconceito. “Fui chamado de macaco, neguinho e todos os outros termos racistas que vocês puderem imaginar.”

Leia também:

Kéfera é acusada de racismo em paródia de ‘Work’

Kéfera critica ‘gentinha’ em paródia de música de Anitta

Sobre a controvérsia, Stockler disse que ele e a namorada pensaram na questão do blackface, que pinta o rosto de negro, antes de fazer o vídeo: “Fomos responsáveis e pensamos nisso antes. As acusações, além de injustas, nos difamam como pessoas e artistas”. Por fim, o namorado de Kéfera disse que a tinta que havia passado no rosto não sairia nunca, pois nasceu com ela.

Os seguidores do rapaz, no entanto, questionaram a postura de Stockler por ignorar as acusações de que o vídeo tivesse um viés machista. Confira abaixo a paródia – se tiver paciência para chegar até o final.


(Da redação com Estadão Conteúdo)