Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Murilo Rosa: polícia identifica dois suspeitos de vazar fotos

Todos os envolvidos prestaram depoimento e caso está em fase de finalização

O caso de vazamento das fotos íntimas do ator Murilo Rosa está em fase de conclusão, segundo o delegado Rodolfo Waldeck, titular da 14ª DP (Leblon), responsável pelas investigações. Todos os envolvidos já prestaram depoimento, de acordo com ele, e dois suspeitos do crime – um adulto e um adolescente – foram identificados como os responsáveis pela divulgação das imagens. “O delegado aguarda apenas resultados de laudos da perícia”, informou a assessoria de comunicação da Polícia Civil, sem detalhar os exames realizados.

Leia: Fotos íntimas do ator Murilo Rosa vazam na internet

Murilo Rosa recebeu mensagens de texto e na caixa postal do celular que pediam dinheiro para que não fossem divulgadas imagens dele “de cunho sexual”. Nas fotos publicadas na internet – aparentemente capturadas de um vídeo -, o capitão Elcio da novela Salve Jorge aparece primeiro sem camisa e, depois, encobrindo o órgão sexual com as mãos – mas nesta última, o homem aparece somente da cintura para baixo, não sendo possível confirmar que se trata do ator.

Ele prestou queixa na delegacia logo após receber as chantagens. “Ele disse que estava sendo chantageado, e não sabia se o vídeo citado existia realmente”, afirmou Waldeck, esclarecendo que o ator só sabia do que se tratava depois de ver publicadas as fotos. A 14ª DP conta com o apoio da delegacia especializada em crimes de informática, e o caso é tratado como extorsão, cuja pena prevista é de 4 a 10 anos de prisão.

Leia também:

Leia também: Murilo Rosa, a nova vítima do terrorismo na web

Carolina Dieckmann – Em maio de 2012, a atriz Carolina Dieckmann foi vítima de um crime semelhante. Fotos da atriz em poses íntimas vazaram na internet, e ela também foi chantageada, por meio de e-mails anônimos. O caso repercutiu até no Congresso Nacional, levando a Câmara dos Deputados a aprovar um projeto de lei que tipifica crimes cibernéticos – e entrou em vigor nesta terça-feira. Ao site de VEJA, o advogado de Murilo Rosa, Ricardo Brajterman, disse que o caso do ator pode ser enquadrado na nova legislação.

Leia também:

Carolina Dieckmann, sobre fotos roubadas: “É uma sensação de faca no peito”

Fotos de Carolina Dieckmann nua foram usadas em chantagem

Hackers publicam fotos de Carolina Dieckmann no site da Cetesb