Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mostra ‘Hitchcock – Bastidores do Suspense’ abre em 13 de julho

A exposição vai reunir trechos da filmografia do cineasta americano Alfred Hitchcock e itens do seu acervo, como manuscritos, fotos, storyboards

A próxima mostra do Museu da Imagem e do Som de São Paulo (MIS-SP), Hitchcock – Bastidores do Suspense, antecipada por VEJA, será aberta daqui a um mês, no dia 13 de julho. A curadoria é de André Sturm, cineasta e ex-diretor do MIS, e atual secretário da Cultura do município de São Paulo.

Veja também

A exposição vai reunir trechos da filmografia do cineasta americano Alfred Hitchcock e itens do seu acervo, como manuscritos, fotos, storyboards, croquis de figurinos e cartazes dos filmes, além de matérias de jornais e revistas, entre outros.

O público vai poder conhecer o processo de controle do cineasta sobre a sua obra, já que ele se preocupava com todas as etapas da produção dos seus filmes, do argumento inicial à edição final.

Sturm tomará por base a entrevista de 27 horas de Hitchcock ao francês François Truffaut, ele mesmo já homenageado pelo museu, em 2015. Na entrevista, realizada em 1962 e publicada em livro em 1966, o britânico fala sobre seus filmes, um a um. É uma espécie de “Hitchcock por ele mesmo”.