Clique e assine a partir de 9,90/mês

Morre o maestro Silvio Baccarelli, criador da Orquestra Juvenil Heliópolis

O idealizador do Instituto Baccarelli ensinava música para crianças e jovens carentes e tocou projetos como o Coral da Gente

Por Da Redação - 21 Jun 2019, 18h46

Morreu na manhã desta sexta-feira, 21, o maestro Silvio Baccarelli, responsável pela idealização de projetos de formação musical e de inclusão social que fazem parte do Instituto Baccarelli. Ele estava com 88 anos. Baccarelli sofria do Mal de Alzheimer.

O velório teve início às 18 horas desta sexta-feira na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp). O corpo será cremado no Crematório da Vila Alpina, na manhã de sábado, 22.

Silvio Baccarelli nasceu em 1931, Muzambinho (MG), e iniciou sua trajetória na música aos 12 anos, ingressando no Seminário em São Sebastião do Paraíso (MG). Aos 15 anos, assumiu a regência do coro da cidade, enquanto estudava para se tornar padre e especialista em música sacra. Em 1960, abandonou o sacerdócio e fundou o Coral Baccarelli. Em 1994, o grupo recebeu prêmio da Associação Paulista de Críticos de Arte.

O Instituto Baccarelli, uma associação civil sem fins lucrativos, surgiu após o maestro se sensibilizar com o incêndio ocorrido na favela Heliópolis, na zona sul de São Paulo. Acompanhando as notícias, Baccarelli resolveu criar um projeto que pudesse ajudar as crianças da comunidade.

Continua após a publicidade

Em uma pequena sala na Vila Mariana, ele começou a oferecer aulas de instrumentos. Em 2005, o projeto passou a ocupar uma antiga fábrica de sucos em Heliópolis e, em 2009, ganhou sede própria na Estrada das Lágrimas.

O instituto trabalha atualmente com 1.200 crianças e jovens da comunidade e mantém grupos, como a Sinfônica Heliópolis e o Coral da Gente, que se apresentam no Brasil e já realizaram turnês internacionais.

(Com Agência Brasil)

Publicidade