Clique e assine a partir de 9,90/mês

Morre o chef e apresentador Anthony Bourdain, aos 61 anos

Emissora em que o americano trabalhava, CNN, confirmou que causa da morte foi suicídio

Por Redação - Atualizado em 12 jun 2018, 10h01 - Publicado em 8 jun 2018, 09h09

A emissora americana CNN informou na manhã desta sexta-feira que o chef e apresentador do canal Anthony Bourdain morreu nesta sexta-feira, na comuna de Estrasburgo, no leste da França, aos 61 anos. De acordo com o comunicado divulgado pela emissora, a causa da morte foi suicídio.

Bourdain estava na França para a gravação de novos episódios do programa de televisão culinário Parts Unknown, exibido pela CNN desde 2013. Ele foi encontrado inconsciente pelo chef francês Eric Ripert, em seu quarto de hotel, nesta manhã. 

Nascido em Nova York, nos Estados Unidos, Bourdain começou a ficar conhecido pelo público em 2000, com o lançamento do livro Cozinha Confidencial, que chegou a figurar nas listas de mais lidos do jornal americano The New York Times. O sucesso levou com que ele ganhasse o seu primeiro programa de televisão em 2002 no canal Food Network. A produção A Cook’s Tour foi encerrada depois de 35 episódios, em 2003. 

Entre 2005 e 2012, o chef formado pelo Instituto Culinário da América (CIA), de Nova York, foi o apresentador de um programa similar ao primeiro, agora no canal americano Travel Channel, da Discovery. O enredo de No Reservations, era similar à primeira produção, em que o americano viajava para vários lugares do mundo, experimentado os mais diversos tipos de comida. Bourdain chegou a ter um segundo programa no mesmo canal, The Layover, entre 2011 e 2013.

Continua após a publicidade

O último trabalho do apresentador na televisão foi Parts Unknown, da CNN, que teve um total de onze temporadas.

“Seu amor por grandes aventuras, novos amigos, boas comidas e bebidas e as histórias marcantes do mundo o fizeram um contador de histórias único”, afirmou a CNN, através de um comunicado. “O seu talento nunca parou de nos maravilhar e nós sentiremos muitas saudades dele.”

Anthony Bourdain deixa a filha, Ariane Bourdain, de 11 anos. 

Se você precisa de apoio emocional, entre em contato com o serviço gratuito de prevenção do suicídio CVV, o Centro de Valorização da Vida, através do telefone 188 ou do site www.cvv.org.br.

Publicidade