Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

George Michael: quatro semanas depois, a liberdade

O cantor George Michael saiu da prisão nesta segunda-feira, após cumprir condenação de quatro semanas por dirigir sob o efeito de drogas. A previsão inicial era de que o astro pop ficaria preso durante oito semanas. Ele foi detido depois de bater o carro contra uma loja, em julho. Michael, de 47 anos, cumpria pena na prisão Highpoint, em Suffolk, no sudeste da Inglaterra.

Em uma audiência realizada em agosto passado, o cantor se declarou culpado de dirigir sob o efeito de drogas e de posse de maconha. George Michael tem longo histórico de consumo de drogas e em maio de 2007 já havia se declarado culpado por dirigir sob efeito de drogas, o que fez com que sua carteira de motorista fosse suspensa por dois anos.

Enquanto estava preso, o astro divulgou uma nota dizendo que não estava recebendo tratamento especial. De acordo com George Michael, ele foi bem tratado pelos funcionários e por outros detentos. Na primeira noite em sua cela, Michael chorou, de acordo com o tabloide The Sun. Na chegada à prisão, ele já tinha se emocionado, mas por outro motivo: os presos cantaram para ele o hit Freedom, de sua autoria.

(Com agência EFE)