Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ex-segurança processa Justin Bieber por agressão

Moshe Benabou, que é ex-membro do exército israelense, disse à justiça que o cantor pop desferiu socos em seu tórax durante uma discussão

Um ex-segurança de Justin Bieber abriu processo contra o cantor alegando que o adolescente o teria agredido durante uma discussão.

Leia também:

Justin Bieber e Selena Gomez terminaram namoro de vez, diz site

Moshe Benabou, que trabalhou para Bieber entre março de 2011 e outubro de 2012 e já foi soldado do exército israelense, afirma nos documentos legais, obtidos pelo site TMZ, que Bieber gritou com ele e desferiu socos em seu tórax.

Além disso, o segurança também alega que Bieber não pagou as horas extras que lhe devia — ele pede 420.000 dólares (cerca de 854,7 mil reais) pelas horas mais danos pela agressão.

Leia também: Fotógrafo que perseguia Justin Bieber morre em acidente

Segundo o TMZ, porém, pessoas próximas a Bieber afirmam que Benabou está mentindo para conseguir algum dinheiro. Dizem ainda que ele foi demitido após contar várias mentiras, incluindo que havia trabalhado para Justin Timberlake antes de trabalhar para Bieber, o que o fez ser contratado.

O site lembra ainda que, em fevereiro do ano passado, Benabou entrou em uma briga com um fotógrafo que tentava tirar fotos de Bieber no aeroporto de Los Angeles.