Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Novo processo: Ed Sheeran acusado de plágio e empresa pede US$ 100 milhões

Companhia Structured Asset Sales afirma que 'Thinking Out Loud' é uma cópia de 'Let's Get It On', de Marvin Gaye

Ed Sheeran, mais uma vez, está sendo acusado de plágio. Segundo o site TMZ, a empresa Structured Asset Sales abriu um processo de 100 milhões de dólares (385 milhões de reais, aproximadamente) contra o cantor, afirmando que a música Thinking Out Loud é uma cópia de Let’s Get It On, de Marvin Gaye.

A canção foi escrita por Gaye e Edward Towsend em 1973. Towsend morreu em 2003 e a Structured Asset Sales comprou um terço dos direitos autorais da música. O processo afirma que a canção de Sheeran tem a mesma melodia, ritmo, harmonia, batida, linha de baixo, backing vocal, andamento, síncope e loop de Let’s Get It On.

Sheeran já foi acusado de plágio anteriormente por essa mesma canção, em processo movido pela família de Towsend. Por enquanto, a família de Marvin Gaye não se manifestou sobre a abertura de uma ação sobre a música.

Fora esses dois processos, o cantor ainda foi alvo de outras duas ações que o acusavam de plágio, incluindo uma que afirmava que ele havia copiado o hit Photograph de Amazing, música dos compositores Martin Harrington e Thomas Leonard. Em 2017, ele fechou um acordo com os músicos para colocar fim ao processo.