Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

DC Comics e atores da Marvel lamentam a morte de Stan Lee

Personalidades usaram as redes para prestar tributo ao roteirista e produtor

A morte de Stan Lee, aos 95 anos, levou atores, diretores e editores de quadrinhos a lamentarem a perda nas redes sociais em textos emotivos e homenagens exaltando os feitos do roteirista da Marvel. Uma das primeiras reações que chamou a atenção foi justamente de sua principal concorrente, a DC Comics, que publicou um tributo a Lee nas redes.

“Ele mudou a maneira como olhamos para os heróis, e os quadrinhos modernos sempre vão exibir sua marca. Seu entusiamo contagiante nos lembrou o motivo pelo qual nos apaixonamos por estas histórias. Excelsior, Stan”, escreveu a empresa no Twitter, lembrando um famoso bordão do roteirista.

Os atores que deram vida aos personagens da Marvel, muitos cocriados por Stan, também prestaram homenagens nas redes.

 

“Milhões estão em débito com esse cara, mas ninguém mais do que eu. O pai da Marvel fez tantas pessoas incrivelmente felizes. Que vida e que coisa incrível de se atingir. Descanse em paz, Stan”, escreveu Tom Holland, o Homem Aranha.


“Eu devo tudo a você. Descanse em paz, Stan”, escreveu Robert Downey Jr, o Homem de Ferro, no Instagram.


“Nunca haverá outro Stan Lee. Por décadas ele alimentou jovens e velhos com aventuras, conforto, confiança, inspiração, força, amizade e alegria. Ele transpirava amor e bondade e vai deixar uma grande marca em muitas vidas. Excelsior!”, escreveu Chris Evans, o Capitão América nos cinemas.


“Nós perdemos um gênio criativo. Stan Lee foi uma força pioneira no universo dos super-herói. Estou orgulhoso de ter sido uma pequena parte de seu legado e de ter ajudado a trazer um de seus personagens à vida”, escreveu Hugh Jackman, intérprete de Wolverine, de X-Men. 


“Estou entre os que se sentiram tocados pela humanidade de sua imaginação, pelo entendimento de ir além do nosso potencial e pela necessidade de conexão com nossa imensurável imaginação, somos gratos e para sempre em débito. Descanse em paz Stan. Você fez nosso tempo aqui melhor”, escreveu Josh Brolin, o Thanos do cinema.


“Obrigado por sua imaginação, paixão e humor”, escreveu Finn Jones, o Punho de Ferro da série na Netflix.


“Obrigado por tudo, Stan”, escreveu Ryan Reynolds, intérprete de Deadpool.

View this post on Instagram

Thanks for everything, Stan.

A post shared by Ryan Reynolds (@vancityreynolds) on

 

Em comunicado divulgado à imprensa americana Bob Iger, CEO da Disney, e Kevin Feige, produtor executivo da Marvel, prestaram tributo a Lee:

“Stan Lee foi tão extraordinário quanto os personagens que ele criou. Um super-herói ao seu modo para os fãs da Marvel ao redor do mundo, Stan tinha o poder de inspirar, de entreter, de conectar. A escala de sua imaginação só era superada pelo tamanho de seu coração”, disse Iger.

“Ninguém causou um impacto maior na minha carreira e tudo que fazemos no estúdio Marvel que Stan Lee. Stan deixa um legado extraordinário que vai durar gerações. Nosso sentimentos para sua filha, sua família e seus milhões de fãs que foram tocados pela genialidade, carisma e coração de Stan. Excelsior”, escreveu Feige.