Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Colina Verde é o melhor restaurante alemão da Serra Gaúcha

A casa serve um banquete de raiz germânica com o reforço de preparos italianos e gaúchos

Há 38 anos a família Schwantes se dedica a preparar um banquete de almoço inspirado no Kerb. Nesse antigo festejo, trazido pelos imigrantes alemães, as pessoas abriam suas residências para a comunidade e ofereciam uma grande variedade de comida e bebida. O casal de proprietários Ido e Marlene levou a sério o quesito fartura dessa tradição quando montou o restaurante. Eles passaram a servir uma refeição colonial de raiz germânica, mas que também contempla preparos de outras duas culinárias fortes na serra: a italiana e a tradicional gaúcha. Ao custo de R$ 72,00 por pessoa (R$ 36,00 para crianças de até 10 anos), o festim começa com pão caseiro quentinho, salada mista, salada de batata com maionese e uma sopa de capelete. Na sequência, é preciso encontrar espaço na mesa (e no estômago) para os pratos que chegam da cozinha. Bolinho de aipim, salsicha bock, nhoque recheado com queijo e bacon, massa caseira com molho de moela, frango com maçã, bisteca suína defumada, joelho de porco e matambre enrolado integram a extensa lista de receitas. Ao final, a casa ainda oferece até dez sobremesas em uma bancada — que podem ser apresentadas numa bandeja em dias de menor movimento. Entre as tentações, há sagu com creme, escondidinho de morango e um curioso doce de chuchu. Quem preferir o apfelstrudel da casa pode solicitá-lo à parte (R$ 12,00). Atendentes com trajes típicos completam o clima de volta no tempo.
Rua Felipe Michaelsen, 160, acesso pelo quilômetro 185,5 da BR-116, Vila Olinda, Nova Petrópolis, ☎ (54) 3281-1388 (125 lugares). 11h30/15h (fecha seg.). Aberto em 1980. $$

Confira os segundo e terceiro lugares:

2º lugar: Gasthof Edelweiss

3º lugar: Höppner