Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Charlie Sheen afirma ser portador do vírus HIV

Ator conta que foi diagnosticado há quatro anos com a doença

Como foi especulado pela imprensa internacional, Charlie Sheen, 50 anos, confirmou ser portador do vírus HIV. O ator americano concedeu uma entrevista ao programa Today, da rede americana NBC, nesta terça-feira. “Eu admito que sou HIV positivo”, disse. “Eu tenho que colocar um fim aos ataques, meias verdades e histórias agressivas sobre mim e que afetam a saúde de muitos outros”. Sheen conta que foi diagnosticado com a doença há cerca de quatro anos. “São três letras muito difíceis de se absorver. É um divisor de águas na vida de alguém.”

Ele afirma que não tem certeza de como adquiriu o vírus, descoberto depois de uma série de dores de cabeça e mal estar. “Achei que tinha um tumor no cérebro”, conta. O ator garante que desde que descobriu sobre a doença, avisou a todos os parceiros sexuais antes das relações, e que alguns toparam fazer sexo sem proteção. “É impossível eu ter passado o vírus para alguém”, defende. Durante a entrevista, Sheen também falou que muitas destas pessoas, entre outras que sabiam da situação, o extorquiram para não divulgar o caso. “Eles esquecem que estão tirando o dinheiro dos meus filhos. Não é só meu esse dinheiro.”

O ator conta que a decisão de revelar detalhes sobre sua saúde foi motivada por este tipo de situação. “Estou me libertando de uma prisão hoje”, diz. Ao ser questionado sobre por que manteve a rotina de se relacionar com muitas prostitutas, mesmo depois do diagnóstico, Sheen conta que não lidou bem com a situação da doença. “Eu estava depressivo. Usando muitas drogas, bebendo muito. Então continuei cometendo o mesmo erro. Eu admito isso”.

LEIA TAMBÉM:

Chuck Lorre agradece a Charlie Sheen por ‘Two and a Half Men’

De acordo com o site de fofocas britânico Daily Mail, o ator de Two and a Half Men estaria vivendo recluso em sua casa, usando drogas como crack e cocaína, assistindo de forma ininterrupta a seus antigos filmes e pagando estrelas pornôs para ter companhia. Uma fonte do mercado de filmes pornográficos teria revelado ao site que Sheen paga entre 25.000 a 30.000 dólares para cada profissional que vai até sua casa, os quais sempre assinam um documento com cláusulas de confidencialidade.

Histórico – A saúde de Sheen já era pauta em toda a imprensa americana nesta segunda-feira e sites como o TMZ e a revista americana People chegaram a adiantar a notícia do depoimento. Segundo a People, o assessor de imprensa e gerenciador de crises Howard Bragman foi contratado seis meses atrás por pessoas próximas a Sheen para lidar com a situação.

Charlie Sheen tem uma longa lista de conquistas amorosas, já se envolveu com strippers e atrizes pornô e já se gabou de ter dormido com mais de 5 000 mulheres. Segundo a revista National Enquirer, pelo menos quatro delas estão processando Sheen porque ele não falou nada sobre sua doença ao levá-las para cama. “Charlie achava que era insuperável e não se protegeu o suficiente”, contou um amigo do ator, que pediu para não ser identificado.

Na semana passada, o tabloide britânico The Sun e o site RadarOnline, que é mantido pela mesma editora que a National Enquirer, haviam publicado que um ator de Hollywood havia sido diagnosticado como portador do vírus HIV. Eles não divulgaram seu nome, mas muitos leitores especularam que se tratava mesmo de Sheen.

Também na semana passada, o tabloide The Daily Mail conversou com uma atriz da indústria pornográfica que afirmou que a estrela de Hollywood que havia sido diagnosticada com o vírus se relacionou com mais de 50 atrizes pornô nos últimos anos. Ela temia que ele pudesse ter transmitido o vírus para essas mulheres e que a indústria pornográfica enfrentasse uma “epidemia de HIV” como resultado.

Charlie Sheen teve um relacionamento relâmpago com a atriz pornô Brett Rossi. Entre as conquistas amorosas mais conhecidas também estão Brooke Mueller e a atriz Denise Richards. Sheen tem cinco filhos e uma neta.