Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Carnaval do Rio terá 492 blocos de rua em 2013

Número é 15% maior do que o registrado no ano passado. Zona Sul concentra o maior número de desfiles

Marchinha, samba, música brega, rock, funck ou tudo misturado: no carnaval de rua do Rio de Janeiro há espaço para todos os ritmos. E para todos os tipos de blocos – os que desfilam e os que ficam parados. Nesta quinta-feira, a Riotur divulgou a lista dos autorizados a desfilar nas ruas da cidade. Os números mostram que o carnaval cresce a cada ano: dos 583 blocos inscritos, 492 foram receberam autorização da prefeitura. No ano passado foram 425.

“Temos a certeza e o orgulho de dizer que o Carnaval de Rua carioca está cada vez melhor. Tivemos que cortar e remanejar alguns blocos, devido a um grande número de obras na cidade, principalmente no Leblon. Foi um longo período de conversas com os organizadores para acomodar os blocos em outros locais”, explicou o secretario Especial de Turismo, Antonio Pedro Figueira de Mello.

Segundo a Riotur, foi feita uma análise em conjunto com as subprefeituras, a guarda municipal, a Cet-Rio e a Comlurb. A avaliação considerou o número estimado de componentes e a capacidade de cada bairro.

A Zona Sul, onde desfilam as tradicionais Banda de Ipanema e Simpatia é Quase Amor, concentra o maior número de bloco, com 162 desfiles autorizados. A região com maior aumento de agremiações autorizadas, no entanto, foi Zona Norte. No ano passado 63 blocos arrastaram milhares pelas ruas da Zona Norte. Agora, serão 91. O Timoneiros da Vila, bloco estreante que faz homenagem a Paulinho da Viola, reuniu milhares de pessoas em Madureira, no ano passado.

A Riotur divulgará na próxima semana o roteiro com das datas, locais e horários dos desfiles. O conteúdo ficará disponível no site http://www.rioguiaoficial.com.br, no Twitter e Facebook.