Clique e assine com 88% de desconto

Carminha apanha: ‘Foi tiro, porrada e bomba’

Tufão deu dois tabefes. Mas foram as mulheres que protagonizaram as reações mais exaltadas à vilã. Capítulo bateu recorde de audiência

Por Da Redação - 8 out 2012, 23h29

O traído pode até ter sido Tufão, mas foram as mulheres enganadas por Carminha que realmente partiram para cima da vilã no mais do que esperado capítulo em que ela foi desmascarada. Ivana deixou de lado a voz infantilizada e disparou uma série de impropérios à cunhada ao ver as fotos em que seu marido Max aparece em cenas quentes com Carminha. O capítulo bateu recorde de audiência e marcou 48 pontos no Ibope da Grande São Paulo e 51 no Rio de Janeiro. O recorde anterior era de 47 pontos.

Leia também:

Muricy tira Carminha da igreja pelos cabelos

Radar: audiência de Avenida Brasil bate recorde no Rio e em São Paulo

Publicidade

Quanto Drama!: Surra de tufão em Carminha domina as redes sociais

A gritaria foi potencializada por Muricy que, ao ver o sofrimento dos filhos, deu uma bofetada na cara da megera.”Eu fui a pessoa que mais errou nessa família”.

Antes de apanhar da sogra, Carminha já tinha levado dois tapas de Tufão. A reação violenta incentivou os noveleiros a apelar pela lei Maria da Penha no Twitter. “A lei Maria da Penha não se aplica à Carminha porque quem cuida de cobra é o Ibama”, escreveu um usuário inspirado que foi muito replicado no microblog.

“Tufão, eu nem peguei a minha bolsa”, gritou a megera do portão para deleite da plateia que assistiu estarrecida ao barraco do Divino. Sem alternativa, Carminha se bandeou para a a igreja. “Reza, minha filha, mas reza muito que você está precisando”, disse padre Solano.

Publicidade

Nem na casa paroquial do padre Solano, onde se refugiou, Carminha escapou da ira feminina. Ao descobrir a derrocada da inimiga, Monalisa partiu para enfrentar a megera que acabou com seu noivado com Tufão, nos primeiros capítulos da novela.

A cabeleireira enfrentou Carminha e aumentou para quatro o número de bofetadas tomadas pela vilã no mesmo capítulo, antes de ouvir verdades dolorosas. “Você não bota fé no seu taco. O cara dá um deslize só e você desiste? Isso não é amor, é vaidade.”

Monalisa foi a primeira vítima de Carminha em seu plano de fisgar o coração e a conta bancária de Tufão. Noiva do jogador de futebol, a cabeleireira viu seu casamento desabar ao ver Tufão na cama com a vilã, no início da trama.

O respiro cômico ficou com mais uma personagem feminina, a hilária Zezé (Cacau Protásio). Na casa de Janaina, ela usou as seguintes palavras para descrever o barraco na mansão do Divino: “Foi tiro, porrada e bomba.”

Publicidade